Engeman conquista contrato com a Petrobras, na Bacia de Campos, para operação e manutenção de guindastes e também para limpeza industrial em 9 plataformas

Engeman – plataformas – Bacia de Campos Plataforma P-35 e logo da Engeman/ Fonte: Reprodução




A Engeman disputou com mais de 40 empresas o contrato na Bacia de Campos para realizar a operação e manutenção de guindastes e limpeza de plataformas da Petrobras

A Engeman publicou, hoje, em sua rede oficial no LinkedIn, a conquista de uma disputa de contrato da Petrobras na Bacia de Campos, para realizar a manutenção e operação de 1º escalão dos guindastes, além de realizar a limpeza industrial em 09 plataformas. A companhia detalhou, em sua publicação, que foi uma disputa acirrada com mais de 40 empresas e que se consagrou vencedora no contrato de 04 anos.

A Engeman irá realizar a limpeza industrial nas seguintes plataformas: P-18, P-19, P-20, P-26, P-32, P-33, P-35, P-37 e P-47, todas elas localizadas na Bacia de Campos. A empresa também será a responsável pela operação e manutenção do 1º escalão dos guindastes.

Veja ainda:

Engeman planeja investir em campos onshore e conquista prêmio de melhor fornecedor da estatal brasileira

A Engeman, prestadora de serviços de óleo e gás, deu uma entrevista de forma exclusiva ao site Petronotícias, falando sobre o crescimento da empresa e os grandes resultados que vem fazendo. A empresa, que ganhou o prêmio de melhores fornecedores da Petrobras, faturou recentemente um contrato para realizar a manutenção em equipamentos de 11 plataformas da estatal na Bacia de Campos.

A Engeman também irá realizar um serviço na Refinaria Abreu e Lima (RNEST), localizada em Ipojuca, no estado de Pernambuco, no qual a empresa irá fazer a preservação dos equipamentos da unidade, inventário de todos os materiais e a movimentação de cargas.

Futuros planejamentos e investimentos da empresa

A empresa está mirando o mercado de descomissionamento de plataformas, o que irá demandar um grande volume de serviços a médio prazo e a Engeman quer ser referência segura para realização dessas atividades.

A companhia ainda visa ampliar, ainda mais, seus clientes e projetos no futuro e, para isso, a empresa tem investido em tecnologia, equipamentos e capital humano, com um objetivo de fidelizar cada cliente conquistado, realizando os projetos com excelência em todos os sentidos.

Com relação à empresa realizar investimentos e adquirir campos onshore, o diretor de operação da Engeman, Jobe Medeiros, disse que a companhia está com uma equipe de geologia avaliando alguns campos terrestres. A empresa ainda quer diversificar seu mercado de atuação e visa, ainda, comprar outras companhias.

Em 2020, a empresa faturou contratos para manutenção em onze plataformas da Petrobras

Em novembro do ano passado, a Engeman havia faturado contrato da Petrobras para realizar manutenção em onze plataformas na Bacia de Campos. A empresa conquistou 2 contratos com a estatal brasileira.

Os contratos que foram faturados pela Engeman, prestadora de serviços no setor de óleo e gás, são para a realizar a manutenção preventiva e corretiva em Sistemas de Compressor de Gás, Geração de Energia Elétrica e Equipamentos Dinâmicos de 11 plataformas da Petrobras.

O contrato entre a Engeman e a Petrobras tem validade até 2024, e irá beneficiar a cidade de Macaé e região. As onze plataformas da estatal, faturadas pela Engeman para manutenção, são P-74, P-75, P-76, P-77, todas localizadas no Campo de Búzios, e P-40, P-43, P-48, P-51, P-53, P-56 e PRA-1, ambas localizadas na Bacia de Campos.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos