Descubra como sua empresa pode diminuir o valor do frete e driblar o aumento dos combustíveis

Sabrina Moreira Paes
por
-
13-05-2022 08:44:58
em Logística e Transporte
custos, valor de frete, alta de combustíveis Alta dos combustíveis pode afastar clientes se o frete for alto




Frete alto pode fazer os clientes desistirem da compra

São Paulo, 11 de maio de 2022 – Nos negócios online, o frete é um fator muito importante durante a compra do cliente no site, fazendo com que ele avance ou deixe-a de lado. No entanto, o aumento nos combustíveis, como resultado do conflito entre Ucrânia e Rússia, pode dificultar o oferecimento de frete com menor valor e até grátis.

O frete pode funcionar como uma boa estratégia de marketing, segundo Alexandre Sousa, diretor do setor na Everlog. Sendo assim, você não deve colocar na conta do cliente o aumento dos combustíveis, pois isso é um fator que pode afastá-lo da compra. Ou seja, você deve encontrar meios para reduzir o custo, e pode usar a tecnologia a seu favor na corrida da competitividade.

Artigos recomendados

Embora não pareça, a guerra entre Rússia e Ucrânia tem um papel fundamental no aumento de preços dos combustíveis e da inflação no mundo todo. Afinal, a região tem uma importante contribuição na produção de combustíveis fósseis no mundo. Dessa forma, o problema com a distribuição afeta diversos ramos na sociedade, em cascata.

O conflito entre Rússia e Ucrânia tem papel fundamental no aumento dos combustíveis e da inflação no mundo todo

Se você ainda não entendeu por que esse conflito entre Rússia e Ucrânia afeta nosso país, vamos explicar melhor. Em torno de 8% do petróleo que usamos, 20% dos polímeros e 62% dos fertilizantes que temos no território nacional vêm da Rússia. Além disso, cerca de 22% de produtos semiacabados de metais tem origem na Ucrânia.

Com a paralisação dessa distribuição, nós somos diretamente afetados. O pior é que o cenário não é favorável para os próximos anos e encontrar saídas para oferecer fretes a custos menores se tornará uma grande missão. O vídeo abaixo explica em detalhes o impacto da guerra na inflação e aumento dos combustíveis.

O conflito entre as nações do Oriente traz consequências para o mundo todo | Fonte: TV Cultura

O conflitou trouxe um aumento de 68% ao diesel nacional. Por conseguinte, o frete atingiu aumento vertiginoso de 29%, segundo dados da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Sendo assim, para se manterem competitivas, as empresas devem lançar mão de algumas estratégias para não fazer com que o cliente pague essa conta.

Afinal, como posso oferecer um frete de custo acessível?

Nesse sentido, Alexandre aponta que algumas ações podem ser tomadas para reduzir custos com o frete. De modo geral, as atitudes visam a centralização de informações e maior organização do processo logístico. Assim, você evita problemas a longo prazo e fornece um serviço de maior qualidade aos clientes. Confira as 4 dicas que separamos para te ajudar.

1. Buscando parcerias

A primeira delas é a busca por parcerias com empresas que trabalham no ramo de logística e transportes como forma de diminuir as tarifas com base no volume de entregas. Todavia, é importante ter mais de uma parceria para fornecer maiores opções de preços e prazos de entrega ao cliente.

2. Usando recursos tecnológicos

Além disso, você pode abrir mão de recursos tecnológicos como aplicativos ou plataformas que permitem personalizar a entrega conforme características do volume. Esse recurso pode dar enfoque aos resultados por meio de uma simulação prévia e então a escolha da melhor opção para reduzir custos.

A tecnologia também pode ajudar na redução do custo por meio da identificação de veículos ociosos, ou seja, o trajeto em que não possui carga. Nesse sentido, por meio da tecnologia e do cruzamento de dados, esses momentos ociosos podem ser reaproveitados para trazer cargas de outros lugares e agilizar o frete, bem como os seus custos, para driblar o aumento dos combustíveis.

3. Negociando prazos de entrega e custos do frete

Outra importante ação é negociar prazos e valores de entrega com o cliente. Ou seja, quanto mais curto, mais caro o frete; do contrário, mais barato. Todavia, ter profissionais que façam a gestão por meio do Business Intelligence (Inteligência de Negócios) pode facilitar a obtenção dessas informações sobre os clientes e oferecer maior personalização para entrega.

4. Acompanhando de perto o fluxo de entrega

Por fim, você deve acompanhar de perto o fluxo de entregas e analisar possíveis falhas de prazo ou de endereço. Assim, com esses dados em mãos, você pode tomar as devidas providências para evitar que esses problemas sejam recorrentes e também garantir o compliance dos pagamentos. Além disso, por meio da auditoria constante, você pode controlar melhor os gastos e evitar prejuízos.

Siga essas dicas e garanta que seu negócio se mantenha competitivo, mesmo frente à adversidade do aumento nos combustíveis e no frete.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Sabrina Moreira Paes
Moradora da Grande São Paulo, 25 anos, formada pela UFPR com mestrado na Unicamp e doutorado em curso na USP. Profissional de marketing, Copy, SEO e Ghost Writer certificada pelas Universidades de Stanford, California, Northwestern e Toronto. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos.