CSN construirá laminadora em São Paulo e criará 400 vagas de emprego

São Paulo

Anúncio foi feito hoje (06/06), pelo presidente da empresa, na companhia do governador de São Paulo, em reunião no palácio dos Bandeirantes

O estado de São Paulo vai ganhar mais uma usina. O presidente e principal acionista da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), Benjamin Steinbruch, acaba de anunciar, hoje cedo (06/06), a construção de uma laminadora de aço galvanizado no Estado de São Paulo.
O anúncio foi feito durante uma reunião, em que participaram, além do presidente da CSN, o governador do estado de São Paulo, João Dória, do vice-governador Rodrigo Garcia, o secretário de Fazenda, Henrique Meirelles, e outras autoridades do Estado.

A CSN investirá R$ 1,5 bilhão na usina que terá a capacidade de produzir 350 mil toneladas de aço laminado por ano e vai atender basicamente os mercados automotivo e de linha branca (geladeiras, freezers, fogões e máquinas de lavar).
A instalação da nova laminadora no estado de São paulo deveu-se a proximidade com a indústria automobilística do país e também do polo metal-metalúrgico que será desenvolvido no Estado conforme já anunciado aqui no Click Petróleo e Gás.

O empreendimento vai criar 400 novos postos de trabalho nesta fase de construção e o presidente da CSN declarou na reunião com o governador de São paulo, que o município onde se localizará a laminadora ainda não está definido, mas que deverá ser no vale do Paraíba.

Investimentos da CSN

A expectativa da CSN é poder contar com esta nova usina laminadora no prazo de três anos, mas segundo o presidente da companhia, existe o planejamento de investir R$ 10 bilhões em quatro anos.
Este plano de investimentos deverá ser feito sem atrapalhar a alavancagem financeira da empresa, que tem hoje uma dívida líquida superior a R$ 25 bilhões.

Uma boa notícias para os moradores de Volta Redonda, cidade da região sul do estado do Rio de janeiro, é que a CSN também planeja investimentos por lá e por Minas Gerais.
Estão previstos segundo Steinbruch, investimentos da companhia na expansão da área de mineração em Minas Gerais e de produção de aço em Volta Redonda (RJ).

Veja também ! Um terço da arrecadação dos leilões do Petróleo deste ano devem ir para estados e municípios !

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)