Com investimentos de R$ 1,4 bilhão, nova usina de energia solar inicia operação no estado da Bahia

Roberta Souza
por
-
22-10-2021 10:25:29
em Energia Renovável, Energia Solar
usina - energia solar - Rio Grande do Sul Energia solar/ Fonte: Money Times

A Pátria Investimentos pontuou que a nova usina fotovoltaica torna-se o segundo maior parque de energia solar em operação no Brasil

O gestora Pátria Investimentos iniciou a operação da Usina Solar Sol do Sertão, em Oliveira dos Brejinhos, no estado da Bahia, de capacidade de 475 MWp, a 485 km de Salvador, com investimentos de 1,4 bilhão de reais, conforme comunicado à imprensa nesta quinta-feira. O projeto pertence à Essentia Energia, empresa do Pátria Investimentos que atua na área de geração e comercialização de energia renovável, com foco nas matrizes solar e eólica. Leia ainda esta notícia: Safira Solar investirá R$ 300 milhões na construção de novas usinas de energia solar fotovoltaica

O novo parque de energia solar

A Pátria pontuou que a nova usina de energia solar torna-se o segundo maior parque de energia solar em operação no Brasil, com estimativa para atender cerca de 580 mil residências e evitar a emissão de aproximadamente 465 mil toneladas de CO2 por ano.

A nova usina de energia solar na cidade de Oliveira dos Brejinhos, localizada no estado da Bahia, está instalada em uma área de mais de 1 mil hectares, incluindo reservas, a usina conta com mais de 1 milhão de painéis solares bifaciais, 9 mil trackers (ou rastreadores solares) e 122 inversores.

Investimentos em energias renováveis

Em nota, o sócio do Pátria e presidente do Conselho de Administração da Essentia, Marcelo Souza, apontou que o setor de energias renováveis é uma área estratégica para a gestora, na qual ela já investe há mais de 15 anos “e que certamente continuará a ser a mais relevante na expansão da matriz de geração do país”.

A Essencia, além da usina de enrgia solar na Bahia, tem ainda o projeto do Parque Eólico Ventos de São Vitor, de capacidade de 465 MW, em implantação em Xique-Xique, na Bahia, que deverá ser finalizado no quarto trimestre de 2022. Além disso, está desenvolvendo um pipeline robusto de projetos eólicos e solares, em busca de aumentar a presença no setor de geração renovável.

Confira ainda esta notícia: Nova usina de energia solar, de 1 bilhão de reais, será instalada na Bahia. 990 vagas de emprego serão criadas

A empresa Solar Newen Bahia Energia assinou um protocolo de intenções com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), para a construção de uma nova usina fotovoltaica destinada a geração de energia solar, no município de Barreiras. Para a execução do projeto, a empresa estima investir R$ 1,080 bilhão. O empreendimento irá contratar 990 operários para a sua construção e gerar 135 empregos na fase de operação.

O secretário de desenvolvimento econômico, Nelson Leal disse que “em julho deste ano, a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, registrou que a Bahia ficou em segundo lugar dentre os estados geradores de energia solar no país. E, esse protocolo que assinaram é um indicativo que o setor só tende a crescer em no estado”, completa.

De acordo com o site BahiadeValor, os empreendimentos para geração de energia solar na Bahia já geraram 13 mil empregos diretos, na fase de construção dos que já estão em operação, e a SDE estima que sejam criados mais 47,4 mil empregos diretos na fase de construção para os parques que estão em construção ou ainda serão iniciados.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos
fwefwefwefwefwe