Início 180 vagas para cursos gratuitos voltados à área de construção civil são oferecidos por programa do Senai, no Pará

180 vagas para cursos gratuitos voltados à área de construção civil são oferecidos por programa do Senai, no Pará

14 de junho de 2022 às 10:28
Compartilhe
Siga-nos no Google News
cursos gratuitos, senai, pará
Imagem de Michal Jarmoluk / Fonte: Pixabay

As inscrições para os cursos gratuitos ofertados pelo Senai no Pará encerram em 30/06. Há vagas para pedreiro, pintor, eletricista e mais

Através do programa Senai Qualifica, formado pela parceria entre o Senai Pará e o Sindicato da Indústria da Construção do Estado do Pará (Sinduscon-PA), estão sendo oferecidos diversos cursos gratuitos voltados à qualificação de profissionais em vários segmentos da construção civil no estado do Pará.

Durante a primeira etapa do programa, haverá a oferta de 180 vagas em quatro rotas de aprendizagem. Dessa forma, os participantes poderão escolher a opção que mais lhes interessa entre os cursos de: pintor de obras imobiliárias, pedreiro de alvenaria, eletricista predial e instalador hidráulico predial, sendo que cada área inclui quatro certificações.

Artigos recomendados

Detalhamento dos cursos gratuitos

As pré-inscrições para os cursos gratuitos devem ser realizadas pelo site do Senai, até o dia 30 de junho. O começo das aulas, por sua vez, deverá ocorrer no dia 8 de agosto, na unidade do Senai Getúlio Vargas (travessa Barão do Triunfo, 2806, Marco, Belém – Pará). Os cursos de pintor e pedreiro serão dados nos períodos da tarde, enquanto os de eletricista e instalador hidráulico acontecerão nos períodos da noite.

Trabalhe no Setor Eólico do Brasil

A carga horária total dos cursos gratuitos ofertados pelo Senai Pará será de 220 horas, e as vagas são destinadas a indivíduos maiores de 18 anos de idade, com ensino fundamental completo como escolaridade mínima.

Certificações incluídas nos cursos disponibilizados pelo Senai

  • Pintor de Obras Imobiliárias: Desenho Arquitetônico; Técnicas em Construção a Seco (Drywall) e Técnicas em Textura;
  • Pedreiro de Alvenaria: Desenho Arquitetônico; Técnicas em Acabamentos de Alvenaria e Técnicas em Aplicação de Revestimento Cerâmico;
  • Instalador Hidráulico Predial: Técnicas em Tubulações PPR; Desenho Arquitetônico e Técnicas em Reparos de Acessórios Hidráulicos Prediais;
  • Eletricista Predial: Técnicas em Automação Predial; Leitura de Projetos Elétricos e Desenho Arquitetônico.

Sobre o Senai

O SENAI – Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – está entre um dos cinco maiores complexos de educação profissional do mundo, além de ser o maior da América Latina. Seus cursos formam profissionais para 28 áreas da indústria brasileira, indo desde a iniciação profissional até a graduação e a pós-graduação tecnológica.

As áreas de atuação do Senai abrangem a Educação Profissional e a Inovação e Tecnologia. Ele está presente em mais de 2 mil municípios do Brasil, onde oferece cursos em todos os níveis de educação profissional e tecnológica.

Além disso, o Senai atua também em outros países, como Guatemala, Angola, Cabo Verde, Paraguai, Guiné-Bissau, Jamaica, Peru, Timor Leste, São Tomé e Príncipe e Haiti, exercendo papel de desenvolvimento da educação profissional e de criação e manutenção de centros de formação.

Confira ainda esta notícia: SENAI e Siemens Gamesa abrem inscrições para pessoas com deficiência (PcD) no curso gratuito de energia eólica na Bahia

O Senai e a Siemens Gamesa Energia Renovável anunciaram na última semana a abertura das inscrições para o processo seletivo do curso gratuito de Qualificação Profissional para Operador Autônomo com foco em energia eólica, Ponte Rolante, NR 35, Orientação e Desenvolvimento Pessoal e Operação de Plataforma Elevatória. É importante frisar que o curso gratuito é voltado exclusivamente para Pessoas com Deficiência (PCD).

Para participar da qualificação profissional em energia eólica, os candidatos PCD devem possuir, no mínimo, 18 anos na data de inscrição para o processo seletivo, possuir ensino médio completo, ser pessoa com deficiência com a presença de relatório médico, residir no município de Salvador, Camaçari ou outro município da Região Metropolitana de Salvador.

Para saber mais, clique aqui neste link e leia a matéria na íntegra.

Relacionados
Mais recentes