Schlumberger assina dois contratos com a Modec

Modec e Schlumberger

Contratos visam atender os FPSOs da Modec na área de fornecimento de equipamentos às embarcações afretadas à Petrobras no Pré-sal

Mais uma grande parceria se concretizou neste início de ano, a Schlumberger publicou em seu mais recente relatório financeiro, na última quinta-feira (18/4), a assinatura de dois contratos com a japonesa Modec.
Os contratos são para fornecimento de equipamentos de separação e tratamento de óleo e de processamento de CO2 para uso em FPSOs que a Modec manterá sob contrato com a Petrobras.

A Modec, ataulmente, está construindo duas FPSOs para a Petrobras, o FPSO Guanabara, que irá operar no campo de Mero 1, na área de Libra, e o FPSO Carioca, que operará em Sépia, na cessão onerosa, ambas no Pré-sal da Bacia de Santos.
As perspectivas são ainda melhores para a Modec, pois a empresa ainda concorre em licitações da Petrobras para construir o FPSO de Búzios V e participa da licitação de mais dois FPSOs para o campo de Marlim.

Visão da Schlumberger

A empresa tem uma expectativa de crescimento dos investimentos em Exploração e Produção (E&P) de algo entre 7% e 8% em 2019, muito em conta pelo maior número de sondas operando no offshore brasileiro e pelos projetos que ainda estão por vir.

O otimismo da Schlumberger se deve além do aumento da demanda por equipamentos offshore, aos cortes de produção que a OPEP e a Russia vem fazendo e a desaceleração da produção de shale na América do Norte.

Apesar de registrar queda de 4% neste trimestre se comparado ao último trimestre de 2018, a empresa teve alta de 1% na comparação anual, registrando um faturamento de US$ 7,9 bilhões.
No total, o lucro da empresa caiu 21% se comparado ao último trimestre do ano passado e 19% se comparado ao mesmo período de 2018, mas mesmo assim o lucro foi de US$ 421 milhões nos primeiros três meses do ano.

Seguindo a mesma linha de assinaturas de contrato com a Petrobras, a BW Offshore assinou um contrato com a Petrobras para extensão de um ano para o arrendamento e operação da BW Cidade de São Vicente. Clique aqui e saiba mais !

Renato Oliveira

About Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)