Royalties do Petróleo já rendeu R$ 287 milhões para Macaé, só este ano

Macaé

Desempenho nacional da produção nacional de petróleo rende frutos e Macaé já recebeu, até o mês de junho, R$ 287 milhões de royalties. Expectativa é que montante até dezembro supere o ano passado.

A cidade de Macaé, conhecida como a capital nacional do Petróleo, registrou no mês de junho, o recebimento da maior parcela do ano em royalties do Petróleo.
O montante de R$ 52.974.763,59 bateu o recorde do ano e somado com o que recebeu em 2019 o valor chega a R$ 287.334.578,40, que foram pagos pela Secretaria do Tesouro Nacional ao município.

O valor até dezembro deve superar o valor recebido no ano passado, que foi de R$ 467 milhões e fez do município de Macaé o quarto colocado em arrecadação nesta modalidade.
A expectativa é que, para este ano, o montante a ser repassado em royalties do petróleo seja de cerca de R$ 600 milhões.

Além do aumento na produção de petróleo na bacia de Campos, outro motivo para a alta dos repasses é a alta do preço do barril de petróleo no mercado internacional.
Vejam abaixo os valores recebidos desde o início do ano por Macaé:

Mês               Repasse
Janeiro       R$ 48.143.268,16
Fevereiro   R$ 48.249.363, 55
Março          R$ 44.905.020,16
Abril             R$ 41.071.358, 19
Maio            R$ 51.990.804, 75
Junho         R$ 52.974.763, 59

Além dos royalties outra fonte de arrecadação é a PE (Participação especial), Enquanto os royalties é uma forma de remunerar a sociedade pela exploração de recursos não renováveis, a PE é uma compensação financeira extraordinária, que incide apenas sobre grandes volumes de produção.
Se levarmos em conta o total arrecadado, Macaé deve ultrapassar os R$ 2,5 bilhões neste ano de 2019.

Melhoras em relação ao ano passado

Em 2018, Maricá foi a grande vencedora em arrecadação, com um total de R$ 1,301 bilhão, sendo R$ 898 milhões em PE. Em segundo lugar tivemos a cidade de Niterói com R$ 1,147 bilhão, e em terceiro a cidade de Campos dos Goytacazes, com R$ 563 milhões e cuja PE foi de R$ 214 milhões.
Macaé foi a quarta colocada, com seus R$ 467 milhões recebidos ao longo do ano e sendo que desses, R$ 67,7 milhões foram apenas de Participação Especial (PE).

Leia também ! Prefeitura de Niterói celebra aliança para atrair investidores no pré-sal !

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)