Projetos de energia renovável em Minas Gerais receberão R$ 52 bilhões em investimentos

Roberta Souza
por
-
03-09-2021 10:52:02
em Energia Renovável
Minas Gerais – projetos – energia renovável Fontes de energia renovável/ Fonte: Estratégia ODS

Em Minas Gerais, passa de R$ 52 bilhões a quantia anunciada de 2019 a agosto, em projetos ligados a energia renovável, principalmente fontes solar e eólica

Segundo dados divulgados pela Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (Indi), o estado de Minas Gerais de 2019 a agosto, a quantidade de projetos relacionados à energia renovável (principalmente solar e eólica) anunciada ultrapassou investimentos de R$ 52 bilhões. Ao todo, são 40 empreendimentos com perspectiva de gerar mais de 6 mil empregos no estado. Leia ainda esta notícia: Governo de Minas Gerais e a EMGD firmam acordo para inauguração de cinco usinas de geração de energia solar

Alguns dos projetos de energia renovável, no estado de Minas Gerais

O grupo siderúrgico Gerdau, recentemente informou que parte de seu plano de investir R$ 6 bilhões em Minas Gerais nos próximos cinco anos terá como prioridade projetos com energias renováveis em todas as regiões nas quais atua no estado. A Shell Brasil e a Gerdau fecharam uma parceria de cooperação para efetuar investimentos em uma usina de energia solar no município de Brasilândia de Minas. A usina que recebeu o nome de Aquarii terá uma capacidade instalada de 190 MW e fornecerá uma parte da energia sustentável para o mercado livre de energia, por meio da comercializadora de energia da Shell e outra parte para as unidades de Produção de aço da Gerdau, a partir do ano de 2024.

A Solatio Energia Livre, joint venture formado pela espanhola Solatio e a mineira CMU, anunciou aporte de R$ 1 bilhão em energia solar distribuída, para atendimento à residências e pequenos estabelecimentos comerciais. Até 2023, segundo as duas empresas, R$ 20 bilhões deverão ser aplicados em usinas fotovoltaicas de grande porte, que fornecerão energia a distribuidoras e consumidores de consumo intensivo, a exemplo de shopping centers e indústrias.

O estado atingiu a marca de maior potência de energia solar em geração distribuída

De acordo com um levantamento divulgado pela Associação Brasileira de Energia Solar e Fotovoltaica – Absolar, o estado de Minas Gerais possui 938,1 megawatts instalados de potência de energia solar na geração distribuída. O estado possui 80.160 sistemas operando em 841 cidades, atendendo, aproximadamente, 110.520 consumidores. Com tal marca, Minas Gerais lidera o ranking dos estados com energia solar distribuída no Brasil.

Somente o território do estado de Minas Gerais responde por 18,1% de energia solar em geração distribuída no Brasil, com 81.684 ligações operacionais espalhadas em 841 cidades, respondendo por aproximadamente 98,6% das 853 cidades do estado. São cerca de 112.545 consumidores de energia solar, que reduziram suas contas de energia elétrica e têm maior autonomia e segurança energética. A cidade de Uberlândia, localizada no triângulo mineiro, é um dos destaques da pesquisa, ocupando o primeiro lugar na geração distribuída de energia solar do estado, operando 53,5 MW e respondendo por 1,1% da produção nacional total do modelo.

Bruno Catta Preta, coordenador nacional da ABSOLAR em Minas Gerais, disse que o estado de Minas Gerais é, hoje, um importante polo de desenvolvimento de energia solar na geração distribuída. Bruno ainda disse que a tecnologia do uso de energia solar traz desenvolvimento sustentável para os moradores do estado de Minas Gerais, tendo um grande potencial para o desenvolvimento econômico e social, além de criar oportunidades de emprego e renda, atraindo investimento privado e cooperando no combate às mudanças climáticas.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos
fwefwefwefwefwe