Posto de recarga rápida para veículos elétricos é inaugurado pela Neoenergia no Nordeste

Valdemar Medeiros
por
-
11-12-2020 11:34:35
em Logística e Transporte
veículos elétricos - Neoenergia -Nordeste Corredor verde da neoenergia

Foi dada a largada no primeiro corredor de mobilidade elétrica do Nordeste, por meio da Neoenergia com um posto de recarga rápida para veículos elétricos e híbridos, que visa ser o maior do Brasil, quando for concluído, no final do primeiro semestre de 2021.

O “corredor verde” da Neoenergia, para carregamento de veículos elétricos, como assim é chamado vai conectar as capitais da região nordeste de Salvador, Natal, passando também por Aracaju, Maceió, Recife e João Pessoa.

Leia também

Primeira fase do corredor verde para carregamento de veículos elétricos já teve início na Bahia

A primeira fase foi já iniciada em Salvador na Bahia, com a avaliação de desempenho de carros elétricos, em rotas urbanas e propostas de abertura dos eletropostos ao público. De forma experimental, há seis veículos elétricos e híbridos percorrendo por vários trechos da capital baiana, para a avaliação de sua autonomia, desempenho e definição de ajustes e melhorias.

Os outros eletropostos de carregamento para veículos elétricos, no Nordeste, serão entregues de forma gradual, até o final do primeiro semestre de 2021. Após finalizado, o corredor verde, deverá abranger seis dos nove estados do Nordeste, passando por mais de 65 municípios.

O corredor verde, para carregamento de veículos elétricos, é resultado de um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), regulado pela Aneel, e faz parte do Programa de Mobilidade Elétrica da Neoenergia.

A Neoenergia visa associação de estações de recarga com a geração de energia solar no Nordeste

A Neoenergia estuda associar as estações de recarga, no Nordeste, com a geração de energia solar fotovoltaica, segundo o gerente corporativo de P&D da Neoenergia, José Brito.

“Reconhecemos a importância de garantir o desenvolvimento sustentável através de medidas voltadas ao combate de mudanças climáticas e o investimento em mobilidades elétricas faz parte desse compromisso. Afinal, o uso do carro elétrico diminui a emissão de gases na atmosfera, contribuindo assim para a descarbonização do planeta”, afirmou Brito.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.