Petrobras aumenta escala de trabalho embarcado para conter avanço do Covid-19 em plataformas de petróleo


Petrobras escala de trabalho petroleiro

Há riscos reais de desabastecimento de derivados do petróleo caso a epidemia chegue as plataformas. A Petrobras está tomando as medidas cabíveis para amortizar a problema

A Petrobras teve que tomar medidas um pouco mais severas para tentar evitar que o Covid-19 chegue as suas plataformas de petróleo. Segundo a estatal a maneira encontrada foi aumentar a escala de embarque de seus petroleiros e terceirizados para minimizar a circulação do vírus.

Em nossa página, muitos não gostaram dessa medida naturalmente, mas os operários foram compreensíveis na medida do possível. O confinamento em situação normal não é algo fácil de lidar, apenas profissionais marítimos estão acostumados com esse tipo de regime já que cruzeiros, navios de carga e outras embarcações de longo curso exigem no mínimo escala de 60×60.

NOTA EMITIDA PELA PETROBRAS

 Petrobras vem monitorando continuamente o quadro de saúde mundial decorrente da pandemia de Covid-19 e adotando medidas para proteção de seus colaboradores (próprios e terceirizados), além de prevenção à disseminação nas regiões onde atua. Em complemento às medidas já adotadas – como intensificação do teletrabalho em atividades administrativas, monitoramento de casos suspeitos e ações preventivas pré-embarque – a companhia adotará imediatamente ações de redução segura de efetivo e ajustes na escala de trabalho em suas unidades marítimas. São elas:

– Efetivo reduzido ao mínimo necessário em unidades offshore, com garantia da segurança;

– Escala especial para as equipes que continuarão embarcando, considerando isolamento prévio de 7 dias em hotel disponibilizado pela Petrobras, 21 dias a bordo e 14 dias de folga.

Não haverá prejuízo para a remuneração dos trabalhadores. Todos receberão remuneração normal, inclusive os não convocados para o embarque, e aqueles que tiverem extensão de seus turnos receberão pagamento de horas-extras, considerando inclusive o período de isolamento.

Essas medidas reduzirão a circulação de pessoas, as trocas de turno e o número de voos para plataformas, diminuindo assim a exposição ao risco de contágio.

A companhia está em contato com as entidades sindicais e com as autoridades governamentais e reavalia diariamente a adoção de novas medidas. Conheça outras iniciativas já adotadas:

– Intensificamos o teletrabalho em todas as atividades que podem ser realizadas de forma remota. Também atuam em teletrabalho todas as pessoas do grupo de risco, em qualquer atividade. Orientamos nossos fornecedores de serviços a tomar as mesmas medidas.

– Nos locais de embarque, estão sendo aferidas as temperaturas de todos, feita a anamnese e reforçadas as orientações de saúde. Caso algum colaborador a bordo apresente sintomas, ele será imediatamente desembarcado e haverá acompanhamento para todas as pessoas que tiveram contato próximo.

– Pessoas voltando de viagens ao exterior a trabalho ou em férias ficarão em quarentena, realizando atividades em home-office.

– Suspendemos todas viagens para o exterior. Em território nacional, mantemos apenas aquelas estritamente necessárias, com todos os cuidados prévios e orientações de saúde.

– Suspendemos eventos e reuniões presenciais com mais de 20 pessoas e intensificamos as reuniões online.

– Intensificamos as rotinas de limpeza, o atendimento de saúde e as orientações aos colaboradores para que todas as medidas preventivas sejam tomadas.

Essas iniciativas preventivas estão alinhadas às recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde e visam a contribuir com os esforços de toda a população e das autoridades para mitigar os riscos, reduzir a circulação nos espaços públicos, mantendo as pessoas em suas casas.

TENHA UM CV ESPECÍFICO PARA O SETOR DE ÓLEO E GÁS

Você gostaria de ter um currículo desenvolvido especialmente para uma vaga no meio marítimo, em plataforma, offshore ou cabotagem? Adquira seu currículo offshore formatado e específico aqui📄

Paulo Nogueira

Sobre Paulo Nogueira

Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.