O FPSO P-68 da Petrobras deixa o estaleiro Jurong Aracruz rumo ao Campo de Berbigão e Sururu

FPSO P-68 PETROBRAS JURONG ARACRUZ ESTALEIRO

Com as inspeções da Marinha do Brasil e os testes de inclinação executados com sucesso desde a última quarta-feira(11), o FPSO da Petrobras deixa o EJA rumo ao pré-sal da Bacia de Santos

A Petrobras gastou cerca de R$ 10,66 bilhões para a construção do FPSO P-68 no Estaleiro Jurong Aracruz, no Espirito Santo. Com excelência e obras dentro do cronograma previsto, a unidade finalmente deixou o EJA hoje (16) por volta das 6:00  rumo ao pré-sal da Bacia de Santos, onde o mesmo vai produzir no campo de Berbigão e Sururu.

De acordo com a ANP ( Agência Nacional de Petróleo) serão perfurados 1,2 mil poços de petróleo até 2023, e apesar deste ser o último pedido da Petrobras em 2019, ainda haverá outras unidades encomendadas para os próximos anos.
O FPSO tem capacidade de processamento diário de 150 mil barris de óleo e de seis milhões de metros cúbicos de gás, pode estocar até 1,6 milhão de barris de óleo e atuará em profundidade d’água de 2,2 mil metros.

O primeiro óleo está previsto para ainda para 2019, se os testes forem bem sucedidos.

Os campos de Berbigão e Sururu, bem como Oeste de Atapu, foram delimitados na antiga área de Iara (bloco BM-S-11A). A Petrobras opera com 42,5%, ao lado de Shell (25%), Total (22,5%) e Petrogal (10%).

A próxima obra que o EJA executará em 2020

O FPSO P-71 que está em construção na China, virá para o Brasil em 2020 para que o EJA faça a integração dos módulos ao casco da unidade. Apesar do naufrágio destes dois módulos de geração de energia (M-15 e M-16), a cerca de 120 km da costa de Itajaí – SC, a Petrobras em nota disse na época que está se esforçando ao máximo para que não haja atrasos no cronograma de produção estabelecido.


Um passo simples para se trabalhar embarcado mas poucos conhecem...

Um dos mercados mais almejados para profissionais que desejam trabalhar no mar é o offshore, principalmente em navios de cruzeiro, embarcações de apoio e marcantes. As escalas de trabalho são diferenciadas, podendo-se trabalhar apenas 6 meses e folgando mais 6. Assista o vídeo revelador que têm ajudado muitas pessoas no Brasil a ingressar neste mercado aqui.
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.