Foguete será construído por alunos da Universidade Federal do Rio de janeiro com apoio da AEB e FUNCATE

Valdemar Medeiros
por
-
26-01-2021 11:42:50
em Indústria e Construção Civil
Foguete - UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO - AEB Alunos da UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO




A ciência da área espacial brasileira avança com um edital FUNCATE, junto à AEB – mais de R$ 20 mil  orçados para a construção do foguete brasileiro através de 50 alunos da Universidade Federal do Rio de janeiro com apoio da AEB e FUNCATE – UFRJ

A vitória mais uma vez é do Brasil e essa especificamente dos alunos da Universidade Federal do Rio de janeiro – UFRJ que conquistou o edital para construir um foguete. O projeto conta com o auxilio de mais de 50 alunos da equipe de competição da Politécnica-UFRJ.

Leia também

Alunos da Universidade Federal do Rio de janeiro – UFRJ conquistam edital para construir foguete

Com o nome de Minerva Rockets, a equipe dos alunos da Universidade Federal do Rio de janeiro conseguiram conquistar um dos passos mais importantes para os seus projetos futuros. O apoio da Fundação de Ciência, Aplicações e Tecnologia Espaciais (FUNCATE), junto à Agência Espacial Brasileira (AEB) farão toda a diferença nessa segunda etapa do projeto de construção do foguete.

Investimento de 20 mil para a construção de foguete universitário

A pós conquistar o edital, a equipe universitária da Universidade Federal do Rio de janeiro receberam um valor de R$ 20 mil para a construção de um novo foguete que alcance uma media de 3KM, com tecnologia de propulsão híbrida, combustível sólido e oxidante líquido.

O foguete brasileiro é totalmente autônomo, mas os alunos estão trabalhando uma forma de criar freios aerodinâmico, a ideia é que ao fim do projeto o foguete brasileiro possa transportar satélites para pesquisas espaciais.

Sobre a equipe

O Grupo de Pesquisas Aeroespaciais “Minerva Rockets” é um grupo de pesquisa discente fundado em 2016 por alunos de Engenharia no Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Rio de janeiro. Tem como objetivo atuar de forma integrada à Universidade no processo de formação de profissionais de alto nível, empreendedores e inovadores, contribuindo para o desenvolvimento tecnológico do país.

Para atender a esses fins, a Equipe desenvolve projetos de engenharia no âmbito do setor aeroespacial, em especial, foguetes, satélites, trajes espaciais e instrumentos de suporte necessários a esse desenvolvimento.

A equipe, fundada em 2016, é composta hoje por 61 membros da graduação (58) e pós-graduação (3), já tendo recebido nos últimos 4 anos a contribuição de 142 alunos, dos quais, 107 de engenharias e 35 de outros cursos da UFRJ.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.