Companhia chinesa BYD realiza inauguração da nova linha de produção de módulos de alta tecnologia para utilização em sistemas de energia solar

Ruth Rodrigues
por
-
21-04-2022 11:42:48
em Energia Solar
Os sistemas de energia solar construídos com a nova linha de módulos da BYD contarão com uma alta tecnologia para uma produção energética mais eficiente e a nova fábrica da empresa em Campinas garante um novo foco no mercado paulista Chinesa BYD inaugura nova fábrica para a construção de módulos de energia solar de alta tecnologia. Fonte: Reprodução




Os sistemas de energia solar construídos com a nova linha de módulos da BYD contarão com uma alta tecnologia para uma produção energética mais eficiente e a nova fábrica da empresa em Campinas garante um novo foco no mercado paulista

A companhia BYD anunciou na última terça-feira, (19/04), a inauguração da sua mais nova linha de produção de módulos para serem utilizados em sistemas de energia solar. A fábrica está localizada em Campinas, no estado de São Paulo, e conta com uma tecnologia de ponta para garantir uma maior eficiência na capacidade de produção desse recurso aos que utilizarem os módulos fotovoltaicos da empresa.

Nova linha de produção dos módulos fotovoltaicos da BYD para os sistemas de energia solar garantem muito mais eficiência com a tecnologia de ponta utilizada na fabricação dos equipamentos

Em uma reunião que contou com a participação do prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), da vice-presidente executiva global da empresa, Stella Li, e de outras autoridades e veículos de imprensa, a companhia BYD anunciou a inauguração da sua mais nova linha de produção dos seus módulos fotovoltaicos na cidade paulista, que serão utilizados para a instalação de sistemas de energia solar em todo o estado, com muito mais eficiência produtiva e aproveitamento energético. 

Assim, a nova fábrica da companhia conta com uma alta renovação de seus equipamentos e processos como multi-busbar, half-cell, 1/3 cut cell, micro-gap e negative-gap, como forma de garantir mais tecnologia na produção da nova linha de módulos fotovoltaicos. Dessa forma, os módulos de alta potência, mono e bifaciais, que variam de 450W até 670W, garantirão uma produção muito mais eficiente aos sistemas de energia solar, uma vez que a tecnologia de ponta utilizada na fabricação permite um maior aproveitamento dos raios solares na conversão de energia. 

A ampliação do empreendimento da BYD também tornará possível realizar a laminação e o encapsulamento de módulos convencionais ou double-glass, além da alta tecnologia utilizada na transformação dos processos produtivos da nova linha de produção, que garantem à BYD a possibilidade da empresa triplicar a sua capacidade para atingir 500 MW. Essa capacidade é suficiente para o abastecimento de uma cidade com até 750 mil habitantes e proporcionará muito mais eficiência na cadeia produtiva e comercial da BYD no mercado energético do Brasil ao longo do ano de 2022. 

Tecnologia utilizada na nova linha de produção dos módulos fotovoltaicos da BYD garantem uma atração maior de consumidores que investirão na energia solar

A companhia BYD comentou que a inauguração da nova linha de produção com a tecnologia utilizada na fabricação dos módulos garante não só um avanço para a empresa, que conseguirá uma alta produtividade e comercialização, mas também para o mercado da energia solar no Brasil, que está cada vez mais em expansão e necessita de soluções viáveis para um melhor aproveitamento do potencial de geração energética que o território nacional possui. 

Assim, Adalberto Maluf, diretor de marketing e sustentabilidade da BYD Brasil destaca que “O mundo vem investindo fortemente na expansão das fontes renováveis de energia e o Brasil tem um potencial enorme de se consolidar como um dos principais líderes dessa revolução energética, já que temos alta irradiação solar, todos os minérios estratégicos para industrialização local e muito espaço para o crescimento da fonte solar fotovoltaica em complementação à nossa matriz majoritariamente hídrica e renovável”.

Com a inauguração da nova linha de produção em Campinas, a BYD agora possui todo o equipamento necessário para aferir e atestar os módulos fotovoltaicos desenvolvidos no mercado brasileiro. Dessa forma, a empresa avança para se tornar referência na produção dos equipamentos e na utilização de uma tecnologia de ponta nesse processo.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Ruth Rodrigues
Formada em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), atua como redatora e divulgadora científica.