Carreiras que desconhecem desemprego e que pagam até 20 mil.

Drones para agronegocios
 

Carreiras que desconhecem o desemprego e que pagam muito bem. Duvida? Então venha que eu te mostro agora.

Carreiras que desconhecem desemprego e que pagam até 20 mil? Nos últimos anos no Brasil, além dos grandes escândalos da nossa política, o assunto principal foi o desemprego. Falar sobre boas vagas e com altos salários é algo que parece impossível ao nosso entendimento. Porém, acredite. Elas existem. As áreas como tecnologia , market, vendas e área financeira são ainda muito promissoras. Tudo tem o seu preço e para ter acesso a estas vagas o candidato precisa investir em atualização sempre.

AGROINDÚSTRIA – As demandas da nossa sociedade é que moldam o ritmo do mercado e a tecnologia tem se mostrado o grande aliado desta procura. A exemplo disso é que uso dos drones na agroindústria já é uma realidade. Esses equipamentos estão cada vez mais presentes e indispensáveis no monitoramento de plantações e terrenos. Aprender a utilizar este tipo de material irá garantir o seu lugar no mercado cada vez mais competitivo e será o seu diferencial.

Tecnologia a serviço da agroindústria

Segurança cibernética – Com possibilidade de uma carreira internacional e ainda com poucos profissionais na área, faz parte desta profissão as diversas transações financeiras efetuadas no ambiente virtual, incluindo criptomoedas, onde a segurança será cada vez mais exigida. Remuneração: de R$ 12 mil a R$ 20 mil.

Vendas e marketing Sales e marketing – As empresas irão procurar profissionais que façam uma analise mais profunda do mercado. São os chamados postos de inteligência comercial.  Esse profissionais vão precisar conhecer de estratégias, oportunidades, regulamentação e produtos, analisar números, conhece o mercado nacional e internacional etc. Remuneração: de R$ 4.000 a R$ 10 mil.

Perfil mais generalista, menos especialista

Antigamente os profissionais especialistas eram os mais procurados, mas hoje, com a necessidade de entendimento do mercado, a busca é pelos profissionais generalistas, ou seja, aqueles que tenham conhecimento do todo, de forma estratégica. Entender do lado jurídico, tecnológico, financeiro e do setor pessoal será uma exigência do mercado de trabalho para esses profissionais que precisarão se esforçar cada vez mais para garantir altos salários e vencer o desemprego em qualquer fase do mercado brasileiro. No final, no caso dessas novas funções, diversos profissionais estão combinados em apenas um e com alto valor agregado.

Falando de indústria, o “peão” do chão de fábrica precisará entender dos processos e realizar uma análise de como tudo funciona. São dados de como funciona o serviço e também como funcionam as máquinas. A tecnologia mais uma vez será o grande aliado desses profissionais que terão seu lugar reservado e seguro diante de um ambiente cada vez mais competitivo.

Leia também:

The following two tabs change content below.
Paulo Nogueira
Formado em Eletrotécnica e entusiasta do setor de tecnologia, já atuei em empresas do ramo de energia, óleo e gás como técnico de operações, Pressure Downrole Gauge Operator e em plataformas de completação do Brasil e exterior