Renovável – BRF anuncia que realizará investimentos de R$ 50 milhões em projetos de energia solar fotovoltaica

Roberta Souza
por
-
08-10-2021 16:07:24
em Energia Renovável
Energia solar – usina – solar Painéis de energia solar/ Fonte: Mais Retorno

A BRF fechou contrato com a Pontoon para construção de um parque de autogeração de energia solar em Mauriti e Milagres, no estado do Ceará

A companhia de alimentos BRF anunciou recentemente que fechou contrato com a empresa Portoon, para construção de um parque de autogeração de energia solar nas cidades de Mauriti e Milagres, no Ceará, com capacidade instalada de 320 Megawatt pico (MWp). A BRF divulgou investimento para comprar energia renovável por 15 anos, e o valor aplicado é de R$ 50 milhões. Leia ainda esta notícia: BRF irá implementar painéis de energia solar em suas granjas nos estados do Paraná e em Santa Catarina

Uso de energia através de fontes renováveis

A BRF assinou o Instrumento Particular de Outorga de Opção de Compra de Ações, que dispõe a respeito da entrada da empresa no projeto. O complexo contará com 320 MWp de capacidade e investimento total de R$ 1,1 bilhão. A BRF terá 88% de energia elétrica provinda de fontes renováveis e limpas com esse novo empreendimento.

Carlos Alberto Bezerra de Moura, vice-presidente financeiro e de relações com investidores da BRF, afirma em comunicado que acredita que esse investimento em energia solar faz parte das metas de sustentabilidade da empresa. “Esse movimento concretiza mais um importante passo em direção à Visão 2030, e no compromisso de se tornar Net Zero em emissões de gases de efeito estufa (GEE) até 2040, tanto em suas operações como em sua cadeia produtiva.”

O projeto de energia solar da BRF

Segundo a empresa, o investimento estimado no projeto é de aproximadamente 1,1 bilhão de reais (3,7 milhões/MWp instalado), e a BRF investirá diretamente cerca de 50 milhões de reais. O parque deve iniciar as operações em 2024. Em 1.170 hectares, serão instalados 600 mil painéis solares, que permitirão que a energia gerada seja distribuída às unidades da BRF no Sul do País.

A iniciativa da construção de um novo parque de energia solar se soma à joint venture da BRF, anunciada no mês passado, com a AES Brasil para autoprodução de energia eólica no Complexo Eólico Cajuína (RN), e outros projetos em andamento, envolvendo produtores integrados. “Isso vai trazer um ganho estimado em 1,7 bilhão de reais ao longo dos próximos 15 anos”, estimou o presidente da BRF, Lorival Luz, em videoconferência com jornalistas, considerando que reduzirá a aquisição de energia nos mercados livre e cativo.

Confira ainda esta notícia: BRF anuncia linha de crédito para estimular energia solar em granjas, no estado de Santa Catarina

No estado de Santa Catarina, produtores que atuam em cooperação com a BRF, uma das maiores empresas de alimentos do mundo, assinaram os primeiros contratos do convênio da empresa com o Banco do Brasil para financiar a instalação de energia solar nas granjas. O acordo firmado entre a BRF e o BB estipula que dentro do plano de sustentabilidade da BRF, um total de 200 milhões de reais serão repassados ​​aos produtores que buscam eficiência energética.

O acordo faz parte da estratégia de longo prazo da BRF e é uma das iniciativas do plano, permitindo que a empresa dê continuidade ao compromisso com o desenvolvimento sustentável em toda a área e permeie todos os negócios. A empresa estabeleceu sua própria meta de aumentar a capacidade de autoprodução de energia limpa ou renovável em 50% nos próximos 10 anos.

Recentemente, a BRF havia anunciado sobre o plano “Visão 2030” anunciado em dezembro do ano passado, que tem como objetivo aumentar em 50% a capacidade de autoprodução de energia elétrica de fontes limpas ou renováveis ​​nos próximos 10 anos. Para isso, a companhia havia já assinado um acordo com o Banco do Brasil, que vai disponibilizar uma linha de crédito de para financiar investimentos na instalação de painéis de energia solar em granjas em Santa Catarina e no Paraná.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos
fwefwefwefwefwe