Petrobras sinaliza que petróleo em litoral do Nordeste pode ter vindo da Venezuela

Petrobras petróleo Nordeste

Ainda não está claro para a Petrobras como um petróleo extraído na Venezuela, cujo litoral está no Mar do Caribe, poderia ter chegado até o litoral do Nordeste.

Um laudo sigiloso encaminhado pela Petrobras ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) levanta hipótese de que é da Venezuela o petróleo que se espalhou em mancha pelo litoral do Nordeste. Na última quinta-feira 26, nós do Click Petróleo e Gás, noticiamos sobre o vazamento de petróleo que até então havia atingido 99 locais no litoral do Nordeste, entenda os fatos.

Em nota divulgada há cinco dias, o Ibama diz que o óleo que contamina diferentes praias é o mesmo e que o órgão trabalhava com a possibilidade de que haveria mais de uma fonte de contaminação. Oficialmente, ainda não se sabe o que causou a mancha.

O que não se sabe é como o petróleo extraído no país sul-americano, que tem litoral no Mar do Caribe, chegou até o oceano Atlântico.

O balanço atualizado pelo Ibama no último domingo, 29,  mostra que o óleo foi detectado em cerca de 109 áreas, localizadas em 54 cidades de oito estados.

Em sete desses locais, aves e tartarugas morreram em razão da contaminação. Outros animais estão em centros de recuperação e limpeza.

As manchas de óleo atingiram as praias de Ponta Negra, Pipa e Tibau do Sul, no Rio Grande do Norte; Boa Viagem, Carneiros e Porto de Galinhas, em Pernambuco; Tambaba, na Paraíba; e Praias do Gunga e do Francês, em Alagoas, entre outras.

No Ceará, 500 litros de óleo foram recolhidos de nove praias no último sábado (29) e domingo. O resultado dos testes de balneabilidade em 35 praias cearenses será divulgado nesta terça (1º).

Leon Aguiar, do Instituto de Defesa do Meio Ambiente (IDEMA) do Rio Grande do Norte, afirma que a situação no litoral do estado está sob controle, mas as equipes seguem no trabalho de despoluição.

O Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, a Marinha e a Petrobras auxiliam o Ibama nas ações de limpeza e investigação. A Petrobras também contratou agentes comunitários para realizar os serviços de limpeza.

Petrobras sai do segmento de distribuição de gás natural no Uruguai

Um passo simples para se trabalhar embarcado mas poucos conhecem...

Um dos mercados mais almejados para profissionais que desejam trabalhar no mar é o offshore, principalmente em embarcações e grandes navios. Apesar de pouco divulgado, este é um mercado dinâmico, com boa remuneração e escalas de folgas diferenciadas, em algumas empresas trabalha - se 6 meses por ano apenas.

Se você deseja saber o caminho para se trabalhar em navios de cruzeiro, embarcações de apoio e marcante, assista o vídeo revelador que tenha ajudado muitas pessoas no Brasil a ingressar neste mercado aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.