Petrobras avalia redução de pessoal na Transpetro

Petrobras

Quase 20% dos empregados da Transpetro trabalham cedidos pela Petrobras, que agora estuda um plano de ação para o retorno destes

A Petrobras, através de seu departamento de recursos humanos, publicou um documento, datado de 24 de julho, que sinaliza um estudo para o retorno de todos os seus funcionários cedidos a Transpetro.
A transpetro tem, segundo levantamento do final de 2016, em seu quadro de colaboradores, cerca de 6.435 funcionários, sendo que 1.090 pertenciam a Petrobras.

Dentro da Petrobras é normal que profissionais sejam contratados pela estatal e depois “repassados” à alguma subsidiária, sendo assim esses profissionais continuam como empregados da petroleira e podem retornar em caso de privatização, por exemplo.
Essa iniciativa pode ser uma atividade de preparação da Petrobras para vender seu braço logístico, a Transpetro.

Segundo fontes da companhia, um processo semelhante aconteceu antes da venda da BR Distribuidora, quando funcionários deixaram a companhia e retornaram às suas origens.

O documento emitido pela Petrobras sobre as transferências continha o seguinte parágrafo: “Após avaliação individual, o RH consolidará a informação e, em conjunto com gerentes executivos, elaborará um plano de retorno dos empregados nas situações cabíveis”.

Para a Petrobras o documento é uma questão interna e que realiza “constante avaliação de perfil e quantitativo de pessoal, considerando metas, competências e conhecimentos”.

Possível venda da Transpetro

A privatização de mais uma de suas subsidiárias ainda não tem data para acontecer, mas é de conhecimento de todos que a Petrobras está colocando em prática seu plano de desinvestimentos e que a venda de subsidiárias vão acontecer.

A Petrobras vendeu em abril a TAG, sua empresa de gasodutos para a francesa Engie por 8,6 bilhões de dólares e pretende vender oito refinarias para arrecadar mais 15 bilhões de dólares.

As refinarias não fazem parte da Transpetro, mas a Petrobras tem a intenção de vender alguns de seus dutos de transporte e terminais.
A Transpetro possui mais de 7,5 mil quilômetros em oleodutos, segundo o site da companhia, e possui uma frota de mais de 50 navios.

Leia também ! Conforme prometido, governo anunciou as mudanças nas Normas Regulamentadoras – NRs !

Renato Oliveira

About Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)