Início Novo marco legal das startups: Petrobras seleciona vencedoras, com investimentos de R$ 12,9 milhões

Novo marco legal das startups: Petrobras seleciona vencedoras, com investimentos de R$ 12,9 milhões

26 de dezembro de 2021 às 09:59
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Petrobras, INPI, patente
Foto: reprodução google

Após apresentação de soluções, Petrobras selecionou as startups para desenvolver testes. Selecionadas poderão receber até R$ 1,6 milhão por proposta

A Petrobras tornou pública a lista das empresas vencedoras da primeira seleção de soluções inovadoras que tem como base o novo Marco Legal das Startups (MSL). Dependendo do desafio, as selecionadas poderão receber até R$ 1,6 milhão por proposta para desenvolvimento e testes das soluções em ambientes produtivos, com um total de até R$ 12,9 milhões em investimentos.

Confira ainda:

De acordo com a Petrobras, esse é o maior valor por proposta já fornecido pela petroleira até então, alcançando o limite declarado pelo novo ambiente regulatório criado pela lei complementar 182/21, que entrou em vigor em 2021. As startups que foram selecionadas mostraram propostas de soluções nas áreas de robótica e tecnologias digitais aplicadas a óleo e gás, de soluções corporativas, de saúde e de segurança.

A Petrobras informou que a seleção compõe o Módulo Teste de Soluções do programa Petrobras Conexões para Inovação, o qual busca soluções inovadoras de startups e outras empresas para realizar de testes em ambiente produtivo. Esses testes, por sua vez, têm por objetivo acelerar a implantação de inovações, com ou sem risco tecnológico, que tenham alto potencial de geração de valor para o setor de óleo, gás e energia.

Trabalhe no Setor Eólico do Brasil

Além disso, o Marco possibilita que, depois do contrato de inovação, seja contratada por um período de dois anos a solução da startup que detiver melhor desempenho e que demonstrar agregar maior valor para o negócio da Petrobras. O prazo é prorrogável por mais dois anos, para fornecimento em escala. 

Essas duas fases juntas irão agilizar a implantação das soluções das startups na Petrobras e a consolidação desses fornecedores no mercado.

5 startups selecionadas pela Petrobras e os desafios

As cinco startups que possuem as propostas selecionadas pela Petrobras para os desafios Fast Track, focando em soluções inovadoras já aplicadas no mercado ou em validação, seguirão para a fase de negociação e celebração do Contrato Público para Solução Inovadora (CPSI), que tem previsão para janeiro de 2022.

Os CPSIs assinados serão vigentes por até 12 meses e prorrogáveis por outros 12 meses para validar as soluções tecnológicas.

As 21 startups com propostas escolhidas na rota Inception, que em grande maioria envolvem inovações com maior complexidade para serem implantadas, ou menor grau de maturidade tecnológica, irão passar por um período de até 6 semanas de interação técnica com mentores da Petrobras, os quais fornecerão suporte para o detalhar o plano de trabalho e para amadurecer o modelo de negócios a ser executado.

Depois de terminar esse período, será realizado um pitch day em que as propostas vão ser avaliadas por uma banca final que irá selecionar as startups que serão efetivadas.

“A pesquisa, o desenvolvimento e inovação ampliam a criação de valor associado a novos modelos de negócios e a Petrobras direciona esforços para a adoção de metodologias e mindset que suportem uma cultura de inovação digital voltada para a geração de resultado e para repensar processos. A realização de parcerias e a aproximação com o ecossistema de inovação aberta integram esse movimento”, explicou o diretor de Transformação Digital e Inovação da Petrobras, Nicolás Simone, em nota à imprensa.

Em 2021, a Petrobras lançou outros quatro editais dentro do Programa Petrobras Conexões para Inovação. “A companhia é uma das principais investidoras em inovação aberta do País, com mais de R$ 35 milhões em investimento no ano de 2021”, declara.

Relacionados
Mais recentes