Mais de 2 mil empregos gerados nas obras da 16ª Usina de etanol de milho no Brasil – A mais nova Unidade da Inpasa Brasil começa a operar em Nova Mutum (MT)

Flavia Marinho
por
-
27-08-2020 19:09:03
em Usina e Agronegócio
Usina de etanol de milho Inpasa (MT) Mais de 2 mil empregos gerados nas obras da 16ª Usina de etanol de milho no Brasil – A mais nova Unidade da Inpasa Brasil começa a operar em Nova Mutum (MT)

Usina de etanol de milho começa a operar em Nova Mutum (MT). Segunda unidade da Inpasa Brasil é a 16ª indústria brasileira a operar produzindo biocombustível a partir de milho

Foram gerados mais de 2 mil empregos nas obras da 16ª Usina de etanol de milho no Brasil. A Inpasa Brasil deu início a operação de sua mais nova usina, a unidade fica em Nova Mutum, no MT. O funcionamento da planta ocorreu a partir da Licença de Operação da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) publicada ontem (26/08) no Diário Oficial da União, que autoriza a produção do Etanol.

Leia também

A licença do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para a produção do Óleo de Milho e do DDGS foi conquistada na última sexta-feira (21/08).

Para o diretor executivo da Inpasa, Rafael Ranzolin, essa é uma conquista que mostra o espírito empreendedor da empresa que, mesmo em meio a pandemia, manteve suas atividades, fortalecendo a economia do país e da comunidade onde está instalada.

“Agradecemos à disposição dos profissionais dos vários órgãos competentes nas esferas municipal, estadual e federal, que não mediram esforços para que esse grande empreendimento pudesse começar sua operação. Quando uma indústria se instala, todos se beneficiam”. O gestor lembrou ainda do compromisso dos profissionais da Inpasa na obtenção de todas as licenças necessárias.

Sobre a mais nova usina de etanol e milho do Brasil

A mais nova usina de etanol de milho do Brasil, tem capacidade para produzir 890 m³ por dia de etanol hidratado. São 275 empregos diretos gerados e pelo menos três vezes mais de forma indireta.

Segundo informações da empresa, a usina em Nova Mutum recebeu o investimento de R$ 550 milhões e movimentou cerca de 2 mil empregos durante as obras. É a segunda unidade da empresa em Mato Grosso: a outra indústria está localizada em Sinop, com produção de 560 milhões de litros de etanol de milho ao ano.

De acordo com o informe da Inpasa, além do etanol hidratado a partir de milho, será produzido na usina óleo de milho e DDG – farelo proteico produzido a partir da destilação dos grãos.

Com a entrada em operação da usina da Inpasa em Nova Mutum, o Brasil passa a ter 16 usinas de etanol de milho em funcionamento. A União Nacional do Etanol de Milho (Unem) projeta que no ciclo 2020/2021 sejam produzidos 2,5 bilhões de litros.

“Mesmo com a retração de demanda por combustíveis causada pela pandemia, a produção de etanol de milho cresceu 93% de janeiro a julho de 2020 em relação ao mesmo período de 2019. Com a entrada em operação de quatro unidades ao longo deste ano, o setor ampliará sua capacidade instalada em mais de 1 bilhão de litros”, analisa o presidente da Unem, Guilherme Nolasco.

Em março, foi inaugurada uma usina em Sorriso (MT) de 530 milhões de litros/ano. Agora, em agosto, a Inpasa inaugura a planta em Nova Mutum para produzir 320 milhões de litros. Até o final do ano, há a previsão de mais outras duas indústrias começarem suas atividades, capacidade para produzirem juntas 200 milhões de litros/ano.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.
fwefwefwefwefwe