JBS divulga novos planos de investimentos em Santa Catarina. Aportes podem chegar a R$ 442 milhões e 750 novos empregos poderão ser abertos

Roberta Souza
por
-
13-07-2021 17:20:56
em Economia, Negócios e Política
JBS – Santa Catarina – empregos Logo da JBS/ Fonte: Blog do Prisco

A JBS recebeu um adiantamento das licenças ambientais do governo de Santa Catarina, para ampliar as unidades de Itaiópolis e Mafra

Na última semana, representantes da JBS se reuniram com o prefeito da cidade de Itaiópolis, no estado de Santa Catarina, para divulgar novos investimentos na unidade. A reunião aconteceu no gabinete do prefeito Mozart Myczkowski, e foram anunciados novos planos das novas fábricas de ração e premix, que deverão receber aportes e gerar novos empregos para a região. Veja ainda: JBS pela Amazônia aprova 6 primeiros projetos que receberão investimento de R$ 50 milhões

Governo de Santa Catarina adianta licenças ambientais para unidades da JBS

No fim de junho, o governo de Santa Catarina informou em nota, que acelerou a liberação de licenças ambientais para que a JBS modernize e amplie suas unidades de aves da Seara na cidade de Itaiópolis e de biodiesel em Mafra.

Ambos os investimentos devem somar R$ 442 milhões, cita a pasta, acrescentando que R$ 262 milhões serão destinados à ampliação do abatedouro de aves, da fábrica de ração e de premix em Itaiópolis. Em Mafra, o investimento alcança R$ 180 milhões e servirá para ampliar a unidade de biodiesel. Tais investimentos podem abrir cerca de 750 novos empregos no estado de Santa Catarina.

O governador Carlos Moisés (PSL), diz que tais investimentos beneficiam toda a sociedade catarinense, com a geração de novos empregos. Segundo Carlos, eles são parceiros do setor produtivo e trabalham juntos para impulsionar novos negócios e a expansão de empresas em Santa Catarina.

Ampliação das unidades da empresa em Santa Catarina

A licença ambiental prévia, emitida pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA), é a primeira de três autorizações ambientais obrigatórias e declara a viabilidade locacional do empreendimento.

Segundo o secretário da Agricultura Altair Silva, essa licença ambiental à JBS garante investimentos importantes na região. Uma notícia que demonstra a força do agronegócio, um setor que continua crescendo em Santa Catarina, gerando empregos, desenvolvimento e divisas para a economia catarinense. Santa Catarina é um estado gerador de empregos, que acredita no potencial do catarinense, e esse investimento será muito importante para seguirmos no caminho do desenvolvimento, concluí o secretário.

A ampliação terá impacto também no campo, pois serão 16 novos produtores integrados e 63 aviários a mais atendendo a unidade de Itaiópolis. A JBS pretende ampliar em 1,4 mil toneladas a produção mensal, passando para 7,8 mil toneladas de produto acabado/mês.

Veja ainda: Além de Santa Catarina, o estado do Paraná receberá investimento de R$ 1,8 bilhão em nova fábrica da JBS e 2,6 MIL empregos podem ser gerados na unidade

A JBS anunciou recentemente que realizará investimentos de R$ 1,8 bilhão em sua fábrica localizada em Rolândia, no estado do Paraná. O aporte de uma das maiores empresas do ramo agroindustrial do país será destinado à construção da maior fábrica de empanados e salsichas do mundo e tem-se a expectativa de que 2.600 novos empregos sejam criados na unidade.

Carlos Massa Ratinho Junior, governador do estado do Paraná, participou da cerimônia do anúncio de investimentos da JBS da nova unidade, que já está em fase inicial de construção. Também será feita a expansão de turno e modernização da unidade de aves da Seara na cidade localizada no Norte do estado do Paraná. Ratinho Junior disse que o estado do Paraná tem vocação para produzir alimentos e alimentar o mundo, e que agora abrigará a maior fábrica de empanados e salsichas do planeta.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos