Explosão na CSN, em Volta Redonda, deixa 26 feridos nesta manhã de 15 de maio

CSN
 

Funcionários foram levados ao hospital das clínicas em Volta Redonda com sinais de intoxicação, acidente ocorreu na aciaria da CSN

Pelo menos 26 funcionários da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) em Volta Redonda, no Sul do Rio de Janeiro, foram levados ao hospital das Clínicas da cidade, depois que uma explosão aconteceu no setor de aciaria na manhã desta quarta-feira(15/05), por volta da 08:15h.

Os trabalhadores apresentaram sinais de intoxicação depois que um grande barulho de explosão foi ouvido por moradores da vila Santa Cecília, bairro próximo ao local do acidente, logo no início da manhã.
Moradores também puderam observar no céu uma grande nuvem de fumaça saindo da siderúrgica logo após o acidente.

Local do acidente

O sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense informou que o acidente ocorreu no setor de aciaria, onde o ferro-gusa é convertido em aço.

A CSN divulgou nota informando que durante a operação de retirada de escória da panela de aciaria houve uma reação que provocou um deslocamento de ar, o que causou a inalação de pó por funcionários que trabalhavam no local.

A empresa esclareceu que os funcionários feridos receberam os primeiros socorros no local e logo depois, os casos mais graves, foram encaminhados ao hospital das Clínicas em Volta Redonda e que está prestando toda a assistência aos colaboradores e investigando as causas da ocorrência.

Já o presidente do sindicato disse que se reunirá hoje ás 16 horas com a direção da companhia para discutir as causas do acidente, mas ressaltou a rapidez com que as vítimas foram atendidas pela equipe médica da companhia.
Ainda não foi emitido boletim médico pelo Hospital responsável, portanto não podemos precisar o estado de saúde das vítimas.

Este foi o quinto acidente ocorrido na CSN nos últimos doze meses.

Grande sequência de vagas no Porto do Açú ou GNA em São João da Barra ! Acesse aqui os detalhes !

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki) inspecionando e acompanhando técnicas de fabricação e montagem de estruturas/tubulações/outfittings(acabamento avançado) para casco de Drillships