Entenda o que influencia o preço do petróleo nos dias atuais

Daiane Souza
por
-
25-04-2022 14:08:44
em Petróleo, Óleo e Gás
Entenda o que influencia o preço do petróleo nos dias atuais - Fonte: Pixabay Entenda o que influencia o preço do petróleo nos dias atuais – Fonte: Pixabay




Atualmente, vários aspectos poderão inferir sobre o preço do petróleo e o cenário vem sendo cada dia mais complexo. Em suma,  alguns aspectos que  determinam as variações dos preços das commodities, inclusive do item em questão, é sobre o fato de questões geopolíticas e até mesmo estoques em países em pleno desenvolvimento. 

Hoje em dia, se sabe que até o ano de 1970, a  Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP)  estaria realizando forte influência quanto ao preço da commodity. Mas, posteriormente,  isso parou de acontecer e vários outros aspectos estavam determinando o que aumentava e o que causava a queda dos pelos que eram negociados pela Petrobras, e em escala mundial em relação à barris. 

Hoje em dia pode-se dizer que fatores climáticos e logísticos estão causando fortes impactos quando se fala  de preços. E, é claro, isso vem afetando diretamente no bolso do consumidor. 

Gestores explicam o que pode estar causando o pico elevado do preço do petróleo 

Tudo vem se intensificando logo depois dos anos 2000 e a China têm forte papel nisso 

A China vem, desde o ano de 2000, inventiva da produção de nova área e investimentos em engenharia do petróleo, o que fez com que o item ficasse ainda mais valorizado e hiperinflado perante o bolso do consumidor.

 O brasileiro, até então, não era tão afetado devido ao fato de que a Petrobras não tinha a permissão para alterar os preços conforme estava sendo previsto pelo  mercado externo. No entanto, foi depois do ano de 2016, com a entrada de Temer para a administração do país, que houve a aprovação de projetos que mudaram a realidade. Depois da aprovação de um projeto  de lei, os brasileiros começaram  a inferir ainda mais com os impactos que foram causados no mercado externo. 

Mas as leis brasileiras não são as únicas que influenciam nisso. Um exemplo claro de investimento americano em petróleo foi a shale norte-americano, que levou o setor a ficar ainda mais acinturado e aguçado.  

Os conflitos que estavam acontecendo entre a Rússia e a Ucrânia fizeram com que os preços chegassem a mais de US$ 140. A guerra política está acontecendo desde o final do mês de fevereiro e, por exemplo, ainda não tem nenhum tipo de previsão de quando vai acabar. Entretanto sabe-se que ela está prevista para terminar somente quando o presidente ucranianos aceitar as exigências que estão sendo impostas por Putin. 

 O IBP já fez uma solicitação para que os preços que são cometidos no Brasil não sejam disparados com 0 mercado externo como tentativa de lucro da Petrobras.  Deste modo, será a cada dia que passa mais possível que haja a criação de empregos dos mais variados setores quando se trata de engenharia civil. 

Petróleo mais caro faz com que gasolina supere a faixa de R$ 7 

Em Santa Catarina, está sendo estimado que o valor do petróleo já esteja a mais do que R$ 7 e que o litro da Premium possa chegar aos dois dígitos até o final do ano de 2022. O estouro dos preços está acontecendo desde o ano de 2021, quando houve um reajuste de ao menos 55% sobre o preço da gasolina.

 Os caminhoneiros já ameaçaram o governo de greve algumas vezes, mas sem sucesso. De acordo com o setor, é necessário que todos os cidadãos vão para a rua em vez de apenas aqueles  que trabalham com combustíveis. Somente no ano passado, oficialmente três greves aconteceram. 

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Daiane Souza
Em formação em jornalismo pela Uniasselvi. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).