Início Termoelétrica Porto do Açú está prestes a sair em acordo entre Prumo e BP

Termoelétrica Porto do Açú está prestes a sair em acordo entre Prumo e BP

26 de dezembro de 2017 às 09:01
Compartilhe
Siga-nos no Google News
termoelétrica produzindo energia

Com acordo assinado entres as duas subsidiárias destas empresas, a Termoelétrica Porto do Açú poderá ter obras iniciadas até o fim de 2019

[supsystic-social-sharing id=’1′]A Termoelétrica Porto do Açú  está próxima de um desfecho positivo depois de um compromisso entre a BP Global Investments e uma subsidiária da Prumo, ” Gás Natural Açu”. A empresa de origem inglesa assinou um contrato que prevê investimento de US$ 7,5 milhões a medida que novas ações forem entrando em seus papeis de marcado.

O parceria assinada determina investimento na UTE GNA, que também é subsidiária da GNA, ao qual provavelmente deve ser ela que estará sob a responsabilidade de construção  e operação desta termoelétrica. Não só para este projeto, mas a BP também está de olho em projetos futuros no Porto, e por isso exigiu que na clausula de contratos posteriores, exigiu garantir sua participação em empreendimentos futuros em São João da Barra.

Sendo assim, esta associação entre a Prumo e BP prevê que a empresa Britânica fique com a metade  de toda riqueza gerada pela Gás Natural Açu Comercializadora de Energia Ltda. A Prumo Logística ficará com a responsabilidade de desenvolver as barganhas de compra e venda de energia, gás e seus derivados provenientes das produções e operações da Termoelétrica.

Expectativas para o Porto do Açú

No dia 8 de novembro, os  governadores do RJ e ES firmaram parceria em evento organizado pela Prumo no Porto do Açu para ligação ferroviária entre os estados. Ao qual a finalidade maior é alavancar as economia dos estados e facilitando a logística de materiais através dos trilhos de interligações estaduais. Também há um grande interesse dos chineses no porto, tanto que grandes empresários estiveram por lá em julho pessoalmente e querem focar em exportações, confiram a matéria completa de tudo que eles querem fazer na região.


Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.


Facebook
Facebook

Twitter
Twitter

LinkedIn
LinkedIn

YouTube
YouTube

Instagram
Instagram

Telegram
Telegram

Google News
Google News

Relacionados
Mais recentes