Projeto piloto de energia eólica offshore da Petrobras é suspenso


A Petrobras suspensou seu projeto piloto de geração de energia eólica offshore na Bacia de Potiguar, litoral do Estado do Rio Grande do Norte

A estatal brasileira decidiu pela suspensão do projeto piloto para geração de energia eólica offshore no Campo de Ubarana, localizado na Bacia Potiguar, literol do Rio Grande do Norte. A decisão da Petrobras foi marcada pelo seguinte anúncio em ofício encaminhado ao Ibama: “reavaliado e suspenso, enquanto a empresa prospecta oportunidades de sinergias e parcerias com objetivo de desenvolver um projeto comercial de geração eólica offshore no Brasil”.

Veja outras notícias:

No projeto piloto seria implantado uma torre e um aerogerador, além de outros equipamentos para medir o potencial de geração de energia eólica na modalidade offshore. O projeto ficaria a 20 km da costa de Grumaré, com LDA (lâmina d’água) de 12 a 16 metros.

A empresa tem optado pela saída dos setores de energia renovável, tanto na suspensão do projeto mencionado, quanto também na parte de biocombustíveis. De acordo com a companhia, as medidas fazem parte da maximização do retorno para os acionistas.

Porém, a estratégia da Petrobras começou a ser questionadas por analistas de mercado. No último mês, durante a apresentação dos resultados da companhia (lucro recorde de R$ 40 bilhões), a empresa foi questionada se o freio na transição energética não poderia impactar a reputação e a competitividade da empresa no futuro.

Já a diretora financeira da companhia, Andrea Almeida, pontuou: “Acho que após mais dois anos de trabalho árduo a empresa será mais competitiva e estará preparada para concluir quais serão as áreas competitivas em renováveis para a Petrobras”.

Um passo simples para se trabalhar embarcado mas poucos conhecem...

Um dos mercados mais almejados para profissionais que desejam trabalhar no mar é o offshore, principalmente em navios de cruzeiro, embarcações de apoio e marcantes. As escalas de trabalho são diferenciadas, podendo-se trabalhar apenas 6 meses e folgando mais 6. Assista o vídeo revelador que têm ajudado muitas pessoas no Brasil a ingressar neste mercado aqui.

Roberta Santiago

Sobre Roberta Santiago

Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos