Projeto do RJ possibilita adoção de telhas solares em favela e emprega jovens do Vidigal no mercado de energia renovável

Valdemar Medeiros
por
-
11-01-2022 10:27:45
em Energia Renovável, Energia Solar
RJ - Vidigal - favela - energia solar - energia renovável - telhas solares Painéis solares em Projeto sustentável – foto: Divulgação – Favela sustentável




Rede Favela Sustentável agora conta com um sistema de telhas solares de 3,6 kW e contribui para que jovens do Vidigal se capacitem e atuem no setor de energia renovável no RJ

Uma parceria entre as organizações SER Alzira, Solfortes, Grupo FRG Mídias e Eventos, Phb e Solarize tornou possível o uso e a instalação de um sistema de telhas solares de 3,6 kW para a Rede Favela Sustentável, que abriga um grupo de trabalho sobre a energia solar com o intuito de reverter e expandir o telhado na laje do prédio da instituição. Após a parada das atividades devido à pandemia, 20 colaboradores de 5 comunidades e do asfalto se reuniram, executando a obra completa em apenas cinco dias. As telhas solares foram instaladas no bairro do Vidigal, no RJ.

Leia também

Jovens da favela garantem uma profissão no setor de energia renovável

A iniciativa veio de Tiago Fraga, CEO do grupo FRG e organizador do Fórum GD Sudeste que, na ocasião, afirmou que a tecnologia de telhas solares será espalhada no Vidigal e mais moradores do bairro serão capacitados, citando também o avanço de mais projetos em outras favelas com desafios distintos.

De acordo com o executivo, além de diminuir a utilização da energia elétrica, também está sendo incentivado que os jovens do Vidigal consigam se capacitar e tenham uma profissão no setor de energia renovável no RJ. Tiago também se referiu ao alívio nas contas de luz da ONG SER Alzira de Aleluia, que foi fundada há cerca de 18 anos por Antônio Carlos de Aleluia e Elma Maria da Silva de Aleluia.

ONG capacita jovens e os prepara para o mercado de trabalho

SER Alzira – Antônio foi o primeiro jovem do Vidigal a ingressar no curso de engenharia na Universidade Federal Fluminense, em 1970. De lá para cá, sua vida foi mudada pela educação, fazendo com que atualmente tenha criado a ONG para que jovens das favelas do RJ, assim como ele, tenham conhecimento e oportunidades através de cursos de inglês, tecnologia, preparatórios de primeiro emprego, dança, além da parceria sobre energia renovável e sustentabilidade.

De acordo com Elma Maria, na instituição, a formação e a educação chegam por meio da inovação, e é possível observar isso pelo crescimento das telhas solares, sendo uma ferramenta de abertura em novas construções. Não importando a idade, gênero ou cor, mas sim inovar para criar.

A ONG conta com o Hostel Alzira House, que recebe jovens de todas as regiões do Brasil e estrangeiros que vêm sendo voluntários, avançando com a educação cultural e levando sustentabilidade a outros continentes.

Empresa cria telhas solares que podem ser colocadas em qualquer casa

A fornecedora de telhas solares norte americana, GAF Energy, anunciou o lançamento do primeiro telhado de energia solar com pregos do mundo. O diferencial do produto de energia renovável em relação a outras telhas solares é que o sistema faz parte da tecnologia solar de forma direta em processos e materiais tradicionais de telhados.

Segundo a empresa, o produto é fabricado nas suas instalações, situadas em San José, Califórnia. É importante frisar que os novos painéis podem suportar ventos de até 210 km/h.

O projeto alcançou a certificação 7103 da UL, que autoriza a empresa a implementar o produto em telhados residenciais, tanto como um produto de telhado quanto um produto de energia solar, sendo o primeiro a ser reconhecido em duas designações.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.