Início Presidente Bolsonaro anuncia, após conversa com Vladimir Putin, possibilidade de compra do diesel da Rússia

Presidente Bolsonaro anuncia, após conversa com Vladimir Putin, possibilidade de compra do diesel da Rússia

29 de junho de 2022 às 18:04
Compartilhe
Siga-nos no Google News
presidente, diesel, rússia
Foto de Alan Santos para a Agência Brasil: “Os presidentes da República do Brasil, Jair Bolsonaro, e da Federação Russa, Vladmir Putin, durante declaração à Imprensa.”

Presidente disse a apoiadores que existe chance de compra do diesel proveniente da Rússia, considerando que ficaria, com certeza, “mais em conta”

Embora a Rússia venha sofrendo, desde a invasão da Ucrânia, no mês de fevereiro, diversos processos de isolamento no cenário internacional, até mesmo aplicação de sanções, o presidente Jair Bolsonaro declarou, na última segunda-feira (dia 27), que o Brasil pode dar início à compra de diesel do país.

Bolsonaro comunicou, ainda, que a possibilidade da troca comercial foi negociada via ligação telefônica com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, naquele mesmo dia. Tal ligação havia sido confirmada pelo ministro de Relações Exteriores, Carlos França.

Artigos recomendados

Conforme afirmou o presidente a apoiadores, em frente ao Palácio da Alvorada, a conversa com Putin tratou das trocas comerciais entre os dois países, além da segurança alimentar e da segurança energética. Bolsonaro adicionou, então, que há chance de que ocorra a compra do diesel da Rússia, uma vez que, com certeza, o preço do combustível seria reduzido.

Além disso, o chefe do Executivo esclareceu também que o preço dos combustíveis pode sofrer redução caso o barril de petróleo do tipo Brent no mercado internacional siga caindo, porém ponderou que, ao final, o valor cobrado no país é decidido pela Petrobras. Houve, na segunda-feira, a subida do petróleo Brent, negociado na bolsa de Londres a US$ 110,98 o barril.

Nesse sentido, o presidente do Brasil acrescentou, em meio a mais uma crítica à política de preços da Petrobras, que é de extrema necessidade a transparência em todos os âmbitos, observando, ainda, que alguns governadores começaram a baixar o ICMS.

Como forma de reagir à sanção da lei que estabeleceu um teto de 18% para a cobrança do ICMS incidente sobre os combustíveis, alguns governadores, como foi o caso de São Paulo e de Goiás, deram início, na segunda-feira, à diminuição das alíquotas do imposto em seus respectivos estados.

Putin confirma a ligação com Bolsonaro, que não tratou apenas da compra do diesel

O presidente Vladimir Putin confirmou, em comunicado publicado pelo Kremlin, a realização do telefonema com Jair Bolsonaro. Na conversa, foi discutido, ainda, a respeito do fornecimento de fertilizantes russos ao agronegócio brasileiro, obrigação a qual Putin se disse empenhado em cumprir.

Sob esse viés, destaca-se que a Rússia é um dos principais produtores mundiais do insumo. No mês de maio, Bolsonaro já havia declarado que os estoques de fertilizantes no Brasil estão garantidos até o começo do próximo ano.

Sendo assim, é possível entender a dependência de fertilizantes como um fator-chave na postura neutra exercida por Bolsonaro em relação à guerra da Rússia contra a Ucrânia. De acordo com o chefe do Executivo, a posição de equilíbrio deve ser adotada diante dessa situação conflituosa, tendo em vista que o país não sobrevive sem fertilizantes.

Desde o mês de fevereiro deste ano, quando Bolsonaro realizou uma visita à Rússia, os dois presidentes vêm estreitando suas relações.

Leia também esta matéria:

Preço do diesel supera valor da gasolina pela primeira vez desde 2004 e reflete alta dos combustíveis no mercado internacional, diz ANP

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgou na última sexta-feira (24/06), os dados sobre os preços dos combustíveis no Brasil durante esta última semana. E, para o consumidor final, o cenário está cada vez mais crítico, uma vez que a alta no mercado internacional vem influenciando o Brasil e o diesel superou a gasolina nos postos brasileiros durante esta semana, causando um alerta no segmento.

Pela primeira vez desde o ano de 2004, os preços do litro do diesel ultrapassaram os valores do litro da gasolina em grande parte do território brasileiro, segundo os dados divulgados pela ANP.

Para saber mais, clique aqui e confira a notícia na íntegra.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes