Início PremieRpet inaugura fábrica no Paraná e vai gerar mais de 1.000 empregos diretos e indiretos

PremieRpet inaugura fábrica no Paraná e vai gerar mais de 1.000 empregos diretos e indiretos

1 de julho de 2022 às 12:50
Compartilhe
Siga-nos no Google News
PremieRpet inaugura fábrica no Paraná e vai gerar mais de 1.000 empregos diretos e indiretos
Fábrica da PremieRpet – imagem: Reprodução/Blog do Ronco

A PremieRpet inaugurou nesta semana sua fábrica de pet-food no Paraná. A unidade é a maior da América Latina e recebeu investimentos de R$ 1,1 bilhão. A expectativa é que a chegada da unidade em solo brasileiro gere mil empregos diretos e indiretos.

O governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Júnior, esteve presente na inauguração da fábrica paranaense da PremieRpet, empresa líder nacional no setor de alimentos de alta qualidade para cães e gatos, nesta quinta-feira (30). É a maior fábrica de pet-food da América Latina e foi construída com investimentos que ultrapassam R$ 1,1 bilhão. Nesta fase, serão gerados cerca de 350 empregos diretos e 700 indiretos. 

Nova fábrica recebeu R$ 120 bilhões em investimentos no estado

A instalação da fábrica da PremieRpet, no Paraná, que promete gerar milhares de empregos, recebeu o apoio do Governo do estado através de programas de incentivos fiscais. O empreendimento faz parte do montante de R$ 120 bilhões em investimentos privados em novas plantas ou expansão de fábricas do Paraná, que teve início em 2019.

Artigos recomendados

De acordo com o governador do estado, a região está sendo transformada, tendo em vista que a PremieRpet instalou a maior planta de produção de rações da América Latina. Segundo Ratinho Jr, o projeto influenciará diretamente no desenvolvimento dos Campos Gerais, impulsionando o comércio e o setor de serviços em geral.

O governador ainda destaca que os municípios demandam incentivos para impulsionar sua economia e disponibilizar melhor qualidade de vida para a população, com a geração de empregos e renda. O Paraná tem o objetivo de atuar oferecendo este suporte. Ratinho Junior ressaltou que a geração de empregos e renda é uma frente defendida pelo Governo.

Para conferir as oportunidades disponíveis na empresam, basta acessar este link.

O Paraná é atualmente o quarto estado com maior geração de oportunidades de emprego do Brasil. São 75,9 mil postos gerados ao longo dos cinco primeiros meses deste ano, o melhor desempenho da região Sul. No último ano, o estado atingiu a marca recorde de empregos com carteira assinada gerados. Foram mais de 170 mil vagas abertas para a população. 

Fábrica da PremieRpet inicia sua produção

A localização do Porto Amazonas é estratégica, tendo em vista que o município fica próximo de fornecedores de proteína e grãos e de grandes consumidores. Além disso, conta com uma malha rodoviária fortalecida e de fácil acesso às áreas ferroviárias e portuárias, apresentando condições favoráveis tanto para receber commodities importadas como para ajudar a expandir o negócio.

De acordo com Elias Jocid Gomes da Costa, prefeito de Porto Amazonas, o município possui 5 mil habitantes, portanto os empregos gerados com a nova estrutura representam cerca de 20% da sua população.

A fábrica paranaense da PremieRpet começa a produzir após três anos de construção, consolidando o mais tecnológico polo industrial da América Latina do setor. A PremieRpet é dona de marcas como PremieR, Vitta Natural e Golden. Segundo o presidente da empresa, Fabio Maluf, com essa nova operação o grupo dobrará sua capacidade de produção de alimentos secos.

Empresa investe em sustentabilidade e geração de empregos

Com linhas de extrusão tecnológicas e laboratório exclusivo com grande capacidade de análise, conta com 92 mil metros quadrados de área construída e capacidade de produção de 660 mil toneladas de alimentos para cães e gatos por ano.

De acordo com Cássio Macedo da Costa, uma área total de 1 milhão de m². A fábrica que está gerando centenas de empregos foi desenvolvida para receber a certificação Leed Gold, principal selo que é dado a edificações verdes que seguem padrões internacionais.

O selo demonstra que a empresa contemplou uma série de requisitos precisos no processo de construção da fábrica: localização e transporte, eficiência no uso de água, espaço sustentável, energia e atmosfera, qualidade ambiental interna, materiais e recursos, inovação de projeto e atendimento a propriedades regionais.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes