Petrobras informou ontem (13/12) que recebeu autorização para testes operacionais no Polo GasLub de Itaboraí

Flavia Marinho
por
-
14-12-2021 09:23:40
em Petróleo, Óleo e Gás
gaslub - Itaboraí - comperj - petrobras flare do polo Gasslub Itaboraí




Itaboraí vive expectativa para guinada econômica com a ativação das instalações do Polo GasLub, antigo Comperj, que gera esperança de empregos aos trabalhadores da área de gás e petróleo

A gigante do petróleo brasileiro Petrobras informou ontem ao mercado que recebeu, no dia 10/12, a autorização da Agência Nacional do Petróleo (ANP) para os testes operacionais de entrada do gás natural no Polo GasLub de Itaboraí. Os testes dos sistemas que utilizarão o gás natural para a geração de vapor e energia terão início após essa fase. 

Leia também

Já estão funcionando a estação de tratamento de água, as subestações responsáveis pela distribuição da energia elétrica para o empreendimento, o Centro Integrado de Controle (CIC), os sistemas de utilidades auxiliares e o flare, local em que ocorre a queima de hidrocarbonetos para alívio. 

O Projeto Integrado Rota 3 vai escoar e processar 21 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural provenientes do polo pré-sal da Bacia de Santos e envolve a construção da UPGN (Unidade de Processamento de Gás Natural), os gasodutos e os sistemas de utilidades. Sua operação comercial tem início previsto para 2022.

Itaboraí vive expectativa para guinada econômica com a ativação das instalações do Polo GasLub, antigo Comperj, que gera esperança de empregos aos trabalhadores da área de gás e petróleo

Itaboraí que tem uma história repleta de vitórias e derrotas, vive uma esperança de guinada econômica e geração de empregos com a retomada das obras do Polo GasLub (antigo Comperj).

A esperança não saiu dos corações dos trabalhadores. Com as atividades do Polo GasLub (antigo Comperj), Itaboraí vive uma esperança de retomada econômica, o novo momento conta com a ajuda do governador Claúdio Castro, que tem conversado com o prefeito Marcelo Delaroli.

A gigante do petróleo brasileiro Petrobras se comprometeu investir R$ 13,7 milhões, durante o período de dois anos para seis projetos, com foco em educação no estado do Rio. O resultado da seleção inclui iniciativas apoiadas pela Lei de Incentivo ao Esporte e à Cultura do Estado do Rio (Lei Estadual nº 8.266/2018).

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.