Petrobras e DOF fecham contrato de três anos pelo navio Skandi Rio

Roberta Souza
por
-
09-12-2020 17:19:36
em Petróleo, Óleo e Gás
Petrobras, DOF, navio Skandi Rio da DOF

A Petrobras informou hoje, que contratou o navio Skandi Rio da DOF. A embarcação apoiará as atividades de exploração e produção da empresa

A Petrobras fechou hoje, um contrato de três anos com a DOF pelo navio Skandi Rio. O navio de reboque e manuseio de âncoras apoiará as atividades de exploração e produção da Petrobras na plataforma continental brasileira.

Confira também outras notícias:

A Skandi Rio é uma embarcação AHTS de construção e bandeira brasileira, equipada com ROVs da classe de trabalho para operações de até 3.000 metros de profundidade. A embarcação tem um design UT 722 L construído em 2007.

O CEO da DOF, diz em comunicado que “Estou muito satisfeito com a concessão do contrato, que confirma a forte posição do Grupo DOF na região da América do Sul”.

Anteriormente, a embarcação operava para a multinacional francesa Total, também no Brasil, em contrato firmado em maio de 2019. O contrato tinha vencimento em 13 meses firmes e duas opções de seis meses.

Skandi Rio:

O Skandi Rio é um navio de manuseio de âncora de alta potência de nova geração projetado para operações de instalação de campo em uma ampla gama de profundidades de água e condições ambientais. A embarcação está equipada principalmente para lançar âncoras para plataformas de perfuração, rebocar plataformas móveis e posicionar equipamentos offshore.

SKANDI RIO é um Tug / Supply Vessel que foi construído em 2007 (13 anos atrás) e está navegando sob bandeira do Brasil. Sua capacidade de carga é de 2.600 t DWT e seu calado atual é de 6,1 metros. Seu comprimento total (LOA) é de 80,5 metros e sua largura de 18,04 metros.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos