Modec abre nova base em Macaé, no litoral norte do Rio de janeiro

Modec inaugura nova base

Inauguração que contou com os presidentes da Modec no Brasil e no mundo atenderá a demanda das operações da empresa na bacia de Campos

Em uma cerimonia que contou com a participação de fornecedores, clientes, parceiros, instituições do setor e empregados, além dos presidentes da Modec no Brasil, Takashi Nishino, e o CEO global, Yuji Kozai, foi inaugurada na última quinta-feira (01/08), uma nova base de operações na cidade de Macaé, no Norte Fluminense.

A nova base é estratégica para a Modec pela localização estratégica que a cidade de Macaé tem no cenário de petróleo e gás no brasil e visa apoiar ainda mais a logística de suas embarcações que entrarão em operação nos próximos anos.
No ano passado a Modec iniciou a operação do FPSO Cidade de Campos dos Goytacazes MV29, nos poços de Tartaruga Verde e Tartaruga Mestiça.

Atualmente a Modec tem 11 unidades em operação no país, sendo 10 FPSO e um FSO, cinco deles na Bacia de Campos e mais três em construção.

Segundo Yuji Kozai, o CEO global da empresa,  “Hoje, o Brasil está no centro do mercado global de óleo e gás offshore e tem um potencial incrível para os próximos anos. Nós estamos aqui há mais de 15 anos acompanhando o crescimento e queremos ajudar o Brasil a fortalecer sua atuação. A maior parte de nossa frota e de nossos empregados estão no país”.

Já o presidentes da Modec no Brasil, Takashi Nishino, preferiu destacar a cidade de Macaé no cenário nacional, “Macaé possui uma posição estratégica, entre as duas principais bacias produtoras do país, e é muito relevante para o nosso negócio. O investimento na nova base demonstra nosso compromisso de oferecer um suporte ainda melhor às operações offshore e satisfazer nossos clientes”.

Atuação da Modec no Brasil

A Modec atua no Brasil desde 2003 e iniciou suas atividades, na Bacia de Campos, em um contrato  de construção, operação e manutenção do FPSO Fluminense.
A partir daí a empresa conseguiu o afretamento do FPSO Cidade do Rio de Janeiro MV14, FSO Cidade de Macaé MV15, FPSO Cidade de Niterói MV18 e o FPSO Cidade de Campos dos Goytacazes MV29.

Leia também ! Petrobras impulsiona seus lucros, focando na exploração de águas ultraprofundas !

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)