Intermodal será palco para discussão de modelo de gestão portuária brasileira

 

Inicia no dia 19, a 25ª edição Intermodal South América, feira internacional de logística, transporte de cargas e comércio exterior, considerada pelos executivos da indústria, como uma plataforma estratégica para a geração de novos negócios.

Nessa 25ª edição Intermodal marca seus 25 anos de existência, mais uma vez no São Paulo Expo, na capital paulista. Serão três dias de evento, no período de 19 a 21 de março. A Associação Brasileira dos Terminais Portuários (ABTP) discutirá uma das principais reivindicações da entidade na próxima terça-feira (19). O evento também reúne os principais protagonistas do mercado internacional e nacional, promovendo negócios e parcerias, funcionando como uma plataforma para lançamentos, reforço de marca, joint-ventures, conteúdo, vendas e networking.

Jesualdo Silva, diretor presidente da ABTP, disse  “Podemos afirmar que o Governo está ciente das nossas demandas e do quanto nosso setor é decisivo para a retomada do crescimento econômico do país”, o executivo acaba de assumir o cargo, o mesmo estará na cerimônia de abertura do evento, às 10h30, no dia 19 de março, e na mesa de debates da XXII Conferência Nacional de Logística, às 17h45.

Na mesma data, o presidente do Conselho Deliberativo da ABTP, Antônio Carlos Sepúlveda, vai endossar o discurso da Associação pela “Modernização do modelo de gestão dos portos”, título do painel que será realizado às 15h, durante a XXI Conferência Nacional de Logística (CNL), que integra a programação da Intermodal.

O tema do painel, que é destaque entre as propostas entregues pela ABTP ao ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, está associado a outras proposições do setor.

Ciente das especificidades e complexidades dos vários portos brasileiros, a ABTP entende que não há uma solução única que se aplicará a todos. Em alguns casos, pode-se aplicar delegação, concessão em parte ou na totalidade ou até mesmo privatização. Entretanto, compreende que, em qualquer dos casos, é necessária a imediata descentralização de funções nos termos da Portaria 574/2018 e profissionalização da gestão, como por exemplo, da revisão do Conselho de Administração, com profissionais de mercado e especializados na área.

Público

Em 2018 a 24ª edição da Intermodal recebeu cerca de 32 mil profissionais em três dias de evento no São Paulo Expo, que puderam conferir as novidades de mais de 400 marcas nacionais e internacionais e participar da XXI Conferência Nacional de Logística, organizada pela Associação Brasileira de Logística (Abralog), que apresentou um conteúdo de alto nível.

Formado, em sua maioria, por executivos e profissionais com poder de decisão, o público da Intermodal South America vem ao evento em busca de inovação e oportunidades de negócios.

Com foco em networking, Juan Carlos Navarro diretor da Transmares Group, que fornece serviços de agenciamento marítimo na Costa Rica e Colômbia, foi à edição Intermodal 2018 para fazer contatos. “Na feira conseguimos encontrar pessoas de vários países, conhecer os serviços oferecidos e buscar novos clientes”, explicou.

Nas expectativas dos brasileiros, 2019 será um bom ano para a economia. Diferentes setores esperam retomar os negócios de forma consistente e superar, definitivamente, a crise que afetou o Brasil nos últimos anos. A questão é que não basta ficar esperando os indicadores deslancharem. Não há mágica. É preciso estar preparado para conquistar um lugar de destaque no cenário empresarial.

SP Expo, localizado na Rodovia dos Imigrantes Km. 1,5, em São Paulo. (www.intermodal.com.br).

                                                PRIVATIZAÇÃO DE ESTATAIS É TEMA DE DEBATE EM SEMINÁRIONO RIO!!

                                                                Veja o que aconteceu na 24 edição!


Baixem também o aplicativo  Empregos e Noticiais CPG para Android na Playstore clicando aqui. Nele postamos informações e oportunidades exclusivas todos os dias.

Gostaria de compartilhar uma foto conosco da sua área de trabalho, vagas de empregos ( com as fontes), sugestões de pautas ou alguma outra informação importante do ramo de energia e empregabilidade? Entre em contato com a gente no Messenger aqui.

Sobre Flavia Marinho

Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica com ênfase em Automação , Inglês avançado e experiência na indústria de construção naval no estaleiro Brasfels (KeppelFells). Conhecimento dos processos de KPI, planejamento de tubulação, comissionamento e construção de drilling rigs, FPSO’s e reparos.