O sucesso da mineração digital e suas principais influências na economia brasileira

Valdemar Medeiros
por
-
29-11-2020 13:44:31
em Indústria e Construção Civil
Mineração - digital -economia Mineração de minero de ferro

Uso de tecnologias na era digital proporciona mais produtividade e segurança a uma atividade insalubre e de alto risco como seria o caso da mineração e mais ganhos para economia

“A mineração é uma atividade insalubre, mas precisamos dos minérios, que são à base de grande parte do que consumimos e que gera impacto em nossa economia, ainda mais na era digital. A solução para boa parcela dos problemas é automatizar tudo o que for possível”, diz o engenheiro de minas Giorgio de Tomi, diretor do Núcleo de Pesquisa para a Mineração Responsável da Universidade de São Paulo (NAP.Mineração-USP).

Leia também

A mineração do futuro na era digital e o impacto na economia

A mineração digital do futuro,  avalia Giorgio de Tomi, será totalmente autônoma, sem a presença de funcionários em áreas de risco, e fará uso intensivo de inteligência artificial e aprendizado de máquina na análise de dados.

A meta é gerar produtividade e determinar a forma mais sustentável para a economia , uma forma de aproveitamento de reservas minerais cada vez mais escassas e localizadas em regiões remotas e profundas, isso pode impulsionar a economia brasileira.

Mineração digital no Brasil

No Brasil, a Vale, maior mineradora do país e uma das líderes globais do setor, fechou no fim de 2019 um acordo de R$ 21 milhões com a operadora Vivo para implementar uma rede privada Long Term Evolution (LTE/4G), para transmissão de dados em áreas remotas em todas as suas unidades em território nacional.

A mina de Carajás, no Pará, deverá estar conectada ainda neste primeiro semestre. Segundo Mosquim, da Vale, o sistema dará suporte à implementação de perfuratrizes e veículos autônomos. A ideia é ter 37 caminhões autônomos em Carajás até 2024.

Iniciado em 2016, o processo de transformação da mineração digital da Vale ganhou força há dois anos, quando a companhia iniciou um programa com previsão de investimentos de US$ 467 milhões até 2023 para avançar rumo à indústria 4.0. Um Centro de Operações Integradas foi constituído em Nova Lima (MG) com o objetivo de integrar a cadeia produtiva e as diferentes áreas de negócios por meio de tecnologias digitais e alavancar a economia brasileira.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.