Início Golar Power firma acordo para instalação da primeira Rede Estruturante de Gasoduto do Nordeste

Golar Power firma acordo para instalação da primeira Rede Estruturante de Gasoduto do Nordeste

31 de julho de 2020 às 10:51
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Golar Power firma acordo para instalação da primeira Rede Estruturante de Gasoduto do Nordeste
Rede de gasoduto/ Imagem: Divulgação

A Golar Power assinou um contrato de fornecimento de GNL com a Copergás e instalação da primeira Rede Estruturante de Gasoduto do Nordeste, em PE

A Golar Power continua investindo em projetos no Brasil, especialmente no Nordeste. A empresa assinou ontem (30/07) um acordo para fornecimento de Gás Natural Liquefeiro (GNL) com a Companhia Pernambucana de Gás Natural (Copergás) e gasoduto em Petrolina- Pernambuco.

Veja também outras notícias

O contrato possibilita a instalação da primeira Rede Estruturante de Gasoduto do Nordeste, em Petrolina, município do interior do estado do Pernambuco.

O projeto, avaliado em US$ 2 milhões, da Golar em parceria com as companhias distribuidoras de gás natural canalizado, é para implementar a infraestrutura necessária para que o GNL chegue a localidades mais remotas.

Trabalhe no Setor Eólico do Brasil

“Petrolina está a 750 km de Recife. O gás dificilmente chegaria em Petrolina se não fosse pela estrutura de transporte do GNL e regaseificação que vamos implementar com a Copergás. O gás que chegará a Petrolina vai abastecer indústrias, comércio, postos de GNV e residências”, informou o vice-presidente da Golar, Marcelo Rodrigues.

Em Petrolina, a Copergás vai construir um gasoduto com 40 km de extensão para fazer a distribuição do gás. Esta unidade estará pronta para receber um volume de 40 mil m³ de gás natural por dia, que será transportado em ISO-conteinêres abastecidos pelo Terminal de GNL do Porto de Suape.

Projetos da Golar Power no Nordeste brasileiro

Em março deste ano, a Golar assinou um protocolo de intenções com o Governo do Estado de Pernambuco para a implantação de um Terminal de GNL no Complexo Industrial Portuário de Suape, previsto para entrar em operação no primeiro trimestre de 2021. A previsão é que o empreendimento gere 300 novos empregos na região.

A Golar Power também possui projetos para que que o GNL importado seja destinado ao atendimento a consumidores livres de gás, como grandes empresas, e à distribuidora de gás natural estadual da Bahia, além de projetos termelétricos e outras distribuidoras de gás.

Relacionados
Mais recentes