Obras do Gasoduto Rota 3 do Comperj foram liberadas pela ANP

gasoduto rota 3 Comperj liberadas anp
 

Foi autorizada a construção do trecho terrestre e marítimo das tubulações que ligam o pre-sal ao Comperj, novo consórcio foi formado por duas empresas para tentar pegar estas obras

Mais um importante avanço no Comperj acontece sinalizando ao mercado com um pouco mais de otimismo. A ANP autorizou a construção dos setores submarinos e terrestres dos dutos da Rota 3 que interligarão o pré-sal da Bacia de Santos para escoar a produção onde se encontra a refinaria em Itaboraí – RJ. Serão cerca de 355 Km em tubulações( 307 km marítimos e 48 em terra) para escoar mais ou menos 18 milhões m³ de gás diariamente.

Apesar de bem vagaroso, o Comperj tem estado em atividades, já com a construção em andamento da base do empreendimento. Vale ressaltar que os dutos da Rota 3 incluem a UPGN no projeto da refinaria. De acordo com Hugo Repsold, Diretor de Produção e Tecnologia da Petrobras, as obras do Comperj terão até  3 mil colaboradores até o fim de 2018 e este número acaba de ser potencializado com a autorização da ANP.

Possíveis empresas que executarão as obras

Vale ressaltar que as possíveis empresas que irão construir o trecho marítimo e terrestre dos gasodutos rota 3 ao Comperj ainda estão licitando, mas temos uma ideia clara de quais irão ganhar as obras:

Para o trecho terrestre ⇒ as empresas Encalso e Concremat formaram um consórcio para assumirem as obras terrestres e até o momento, apresentaram o melhor preço.

Para Trecho submarino ⇒ a  Sapura ou Mcdermott estão em uma briga feroz para ver quem leva o projeto de lançamento das tubulações no leito do mar. Mas independente de quem ganhe, será a Locar que prestará serviços para uma das duas.

Resumo das Empresas do Comperj que ganharam contratos e que estão com propostas em andamento

The following two tabs change content below.
Paulo Nogueira
Formado em Eletrotécnica e entusiasta do setor de tecnologia, já atuei em empresas do ramo de energia, óleo e gás como técnico de operações, Pressure Downrole Gauge Operator e em plataformas de completação do Brasil e exterior