Empresa de energia solar lança telhado solar prático e barato; ideia é concorrer com a Tesla no setor

Fábio Lucas
por
-
29-04-2021 21:22:52
em Energia Renovável
Tesla - Energia Solar - Telhado solar Foto: SunRoof

Empresa europeia trabalha em telhado solar barato e eficiente. Ideia é concorrer com a gigante Tesla no setor

Com o esforço em conjunto dos países para frear as mudanças climáticas, novas tecnologias no setor estão ganhando cada vez mais destaque. Uma empresa europeia chama SunRoof está movimentando o mercado com um conceito de energia solar inteligente e pretende concorrer com a Tesla no setor na Europa. A ideia é colocar os seus telhados solares nas casas das pessoas e criar uma rede sustentável.

A SunRoof está trabalhando para evoluir ainda mais o conceito que ganhou destaque no mercado com a Tesla. Todavia, o seu conceito usa tetos solares 2 em 1, com fachadas inovadoras. A empresa garante que as fachadas terão a capacidade de gerar eletricidade sem a necessidade de módulos fotovoltaicos comuns. Em vez disso, a empresa usa células solares monocristalinas, imprensadas entre duas folhas de vidro. Esse mesmo conceito promete gerar energia solar mais barata.

A ideia é usar a tecnologia no máximo possível de casas numa determinada região, criando uma espécie de usina local de energia solar. Com isso, poderá vender o excedente para pessoas ou empresas que busquem o uso de energia renovável. A Tesla usa o Autobidder para gerenciar e negociar a energia solar dos telhados, porém o sistema é fechado. A SunRoff pretende trabalhar com parceiros diversos e ser o principal concorrente da Tesla no setor.

A “SunRoof foi fundada para fazer a mudança para a energia renovável não apenas fácil, mas altamente econômica, sem nunca ter que sacrificar recursos ou design. Já crescemos mais de 500% ano a ano e usaremos o financiamento mais recente para dobrar o crescimento”, disse o CEO Leck Kaniuk.

Tesla - energia solar - energia -
Foto: SunRoof

A empresa chamou a atenção do mercado, conseguindo assim um investimento de 4,5 milhões de euros. A empresa quer crescer na Europa e também tem a pretensão de passar a trabalhar nos EUA, onde a Tesla domina.

Tags:
Fábio Lucas
Jornalista brasileiro, amo esportes, notícias e política. Já contribui em diversos outros portais relacionados a esportes, economia e informações regionais.