Início Votorantim, uma das maiores holdings diversificadas do Brasil, apresenta crescimento de 50% nos lucros da empresa durante o primeiro trimestre do ano

Votorantim, uma das maiores holdings diversificadas do Brasil, apresenta crescimento de 50% nos lucros da empresa durante o primeiro trimestre do ano

19 de maio de 2022 às 19:06
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Votorantim, empresa, lucro
Imagem ilustrativa de Lorenzo Cafaro / Fonte: Pixabay

O lucro líquido obtido pela Votorantim foi de R$ 1,7 bilhão, de acordo com balanço publicado pela empresa no último dia 17

A Votorantim S.A. – multinacional brasileira voltada a investimentos nos setores de mineração, cimento, alumínio, energia, finanças, entre outros – obteve, no primeiro trimestre deste ano, crescimento de 50% no lucro líquido registrado pela empresa, se comparado ao mesmo período de 2021. Ao todo, o valor correspondente ao lucro é de R$ 1,7 bilhão, conforme balanço divulgado pela companhia, que apresenta capital fechado, nesta terça-feira (dia 17).
Além disso, o Ebitda (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) ajustado da Votorantim foi de R$ 2,2 bilhões. A receita líquida da empresa, por sua vez, registrou acréscimo de 19% em um ano, atingindo o valor de R$ 11,7 bilhões, em razão da alta dos preços dos produtos vendidos pelas companhias investidas e também devido às maiores quantias comercializadas.
Estão no portfólio da Votorantim empresas como a CBA, que, no mês de abril, finalizou uma oferta subsequente de ações (follow on) de R$ 940 milhões, com a venda de ações detidas pela multinacional.
Ademais, é também investida da Votorantim a Auren Energia, empresa que recebeu os ativos da antiga Cesp.

Diretor-presidente da Votorantim expressa contentamento com os resultados e lucros da empresa

De acordo com João Schmidt, diretor-presidente da Votorantim, mesmo em um contexto de alta volatilidade dos mercados, os três primeiros meses deste ano foram marcados por bons lucros e pelo progresso nas iniciativas de melhoria do portfólio. Segundo ele, a empresa segue focada em cumprir suas metas de longo prazo e está preparada para enfrentar os desafios que se apresentam neste ano.
Ainda na gestão de carteira, a Votorantim se candidatou a comprar, em associação com a Itaúsa (ITSA4), uma parcela de 14,9% do capital da CCR (CCRO3). Considerando a proposta, a Votorantim fará investimento de R$ 1,3 bilhão, obtendo, ao final, cerca de 10,3% da empresa de infraestrutura. Atualmente, a multinacional já possui 5,8% do capital.
A empresa salienta, ainda, o desenvolvimento de sua agenda ESG, com a divulgação dos relatórios anuais e a exposição da tese de energia renovável. A Votorantim também destaca que a CBA foi validada como a única companhia de alumínio no planeta a ter metas de diminuição das emissões de carbono aprovadas pelo Science Based Targets.

Artigos recomendados

Grande empresa brasileira de alumínio se destaca no cenário econômico do primeiro trimestre de 2022

Apesar do cenário econômico desfavorável que estamos enfrentando, a Companhia Brasileira de Alumínio (CBAV3), pertencente ao grupo Votorantim, ganhou destaque no mercado, apresentando um lucro de R$ 426 milhões nesses primeiros três meses do ano. O feito é ainda maior quando vemos que a mesma empresa tinha um prejuízo estimado em R$ 133 milhões no mesmo momento no ano de 2021.
Todavia, agora, a receita líquida chega a R$ 2,3 bilhões e representa um crescimento exponencial em comparação ao mesmo período do ano passado, ou seja, de 31%. Além disso, o Ebitda (índice para lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização), trouxe um aumento de 53% nos primeiros três meses de 2022, o que implica em um valor total de R$ 552 milhões.
O crescimento não para por aí. O alumínio atingiu alta de preços, chegando ao patamar de US$ 3.280/t, o que representa uma parcela 56% maior em relação ao mesmo momento no ano anterior. Mesmo tendo uma queda de 9% (109 mil toneladas) no volume de vendas, a empresa ainda conseguiu registrar um aumento de 32% na receita líquida.
Para mais informações, é só clicar aqui para acessar a matéria na íntegra.

Trabalhe no Setor Eólico do Brasil

Relacionados
Mais recentes