Petrobras põe à venda toda participação nos gasodutos Brasil-Bolívia e TSB

Flavia Marinho
por
-
06-02-2021 12:38:18
em Petróleo, Óleo e Gás
gasoduto - petrobras - vagas - bolívia

Petrobras informa que a venda dos gasodutos Brasil-Bolívia e TSB está alinhada à estratégia de otimização de portfólio da companhia


A Petrobras anunciou em fato relevante ontem à noite (06/02) que deu início à venda da totalidade de suas participações de 51% na Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil (TBG) e de 25% na Transportadora Sulbrasileira de Gás (TSB). Aproveite para se qualificar, O gigante americano de serviços online Google, abre 2000 vagas em cursos gratuitos na área de tecnologia

ANÚNCIO

Leia também

“Os potenciais compradores habilitados para essa fase receberão um memorando descritivo contendo informações mais detalhadas sobre as companhias em questão, além de instruções sobre o processo de desinvestimento, incluindo as orientações para elaboração e envio das propostas não vinculantes”, diz o comunicado da Petrobras

No comunicado, a Petrobras informa que a operação está alinhada à estratégia de otimização de portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, passando a concentrar cada vez mais os seus recursos em ativos de classe mundial em águas profundas e ultra-profundas

Sobre a TBG e TSB – Petrobras

A TBG é uma companhia que atua no transporte de gás natural e está presente no principal eixo econômico do Brasil, nas regiões do Centro-Oeste, Sudeste e Sul, sendo a proprietária e operadora do gasoduto Bolívia-Brasil em território brasileiro.

Seu gasoduto tem extensão de 2.593 km, com capacidade de transporte de até 30 milhões de m3/dia ao longo do gasoduto e um adicional de 5,2 milhões de m3/dia no trecho em São Paulo.

A TSB localiza-se no Rio Grande do Sul, com 50 km de dutos já instalados e um projeto de 565 km adicionais que, uma vez concluído, permitirá a conexão dos campos de produção na Argentina à região metropolitana de Porto Alegre e ao gasoduto da TBG.

Petrobras conclui a venda do campo de Frade

A Petrobras que havia informado sobre a venda do campo de Frade em novembro de 2019, divulgou nesta sexta que finalizou a venda de sua participação de 30% no terreno localizado na Bacia de Campos, litoral norte do estado do Rio de Janeiro. A venda foi feita para a PetroRio, que detém os 70% restantes.

A transação incluiu também a venda da totalidade da participação detida pela Petrobras Frade , subsidiária da Petrobras, na empresa Frade BV para a Petrorio Luxembourg, que passa a deter 100% de Frade BV.

Após o cumprimento das condições precedentes, a operação foi concluída com o pagamento de US$ 36 milhões para a Petrobras. Esse valor se soma ao montante de US$ 7,5 milhões pagos à Petrobras na assinatura do contrato de venda.

Os valores pagos à Petrobras ontem e na assinatura, somados ao lucro auferido, totalizam US$ 100 milhões, conforme divulgado anteriormente. Além disso, há o montante de US$ 20 milhões contingente a uma potencial nova descoberta comercial no campo, que se ocorrer no futuro, a Petrobras terá direito a receber.


⇒ Participe dos nossos grupos do Telegram e fique atento a todas as notícias do mercado de energia, empregos, projetos e outros assuntos microeconômicos do Brasil. Nossas informações sempre são direto das fontes e atualizadas. Acesse o Nosso Telegram aqui.

Tags:
Flavia Marinho
Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e Automação. Experiente na indústria de construção naval onshore e offshore. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal.