Startup aeroespacial sul-coreana vai realizar o primeiro lançamento do seu foguete na Base de Alcântara

Valdemar Medeiros
por
-
06-05-2022 10:59:06
em Indústria e Construção Civil
Startup aeroespacial - foguete - base de Alcântara - Alcântara - Maranhão O foguete HANBIT-TLV durante uma rodada de teste nas instalações da startup em Geumsan, Coréia do Sul (Imagem: Reprodução/Innospace)




Startup sul-coreana, Innospace, anunciou seus planos de fazer o primeiro lançamento do seu foguete na Base de Alcântara. O foguete da empresa contará com tecnologias desenvolvidas pela FAB.

A startup aeroespacial sul-coreana, Innospace, planeja realizar seu primeiro lançamento suborbital em dezembro de 2022, saindo do centro de lançamento da Base de Alcântara, situada no Maranhão. O lançamento servirá como teste para um foguete de estágio único que possui cerca de 16,3 metros de altura, que recebeu o nome de HANBIT-TLV. O foguete servirá como uma plataforma de desenvolvimento para o lançador de satélites comerciais da startup, que é chamado de HANBIT-Nano. Este lançador é projetado para levar uma plataforma de carga útil de até 50 kg para uma órbita polar, ou seja, que cruza os polos do planeta, a aproximadamente 500 km de altitude.

Entenda como funciona o foguete que será lançado na Base de Alcântara

Teste de Sequência de Ignição de Motor de Foguete Híbrido HyPER-15 (15tonf) – INNOSPACE – Reprodução/Youtube

Os dois foguetes da startup possuem um primeiro estágio com um motor híbrido de 15 toneladas, que é alimentado por parafina e oxigênio líquido. Além disso, o estágio superior do foguete que será lançado na Base de Alcântara possui um motor híbrido de 3 toneladas. De acordo com o porta-voz da startup, Kim Jung-hee, caso o lançamento seja bem sucedido, a empresa começará a se preparar para testes com o Hanbit-Nano.

Artigos recomendados

O foguete de testes lançado na Base de Alcântara transportará um sistema de navegação inercial (SISNAV) desenvolvido pelo Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) da Força Aérea Brasileira (FAB). A tecnologia conta com um computador, sensores de rotação para determinar a posição, velocidade e orientação de um objeto sem um referencial externo e sensores de movimento.

Entretanto, de acordo com o porta-voz da startup, a carga não será liberada no espaço. Jung-hee ainda afirmou que o país disponibilizou o Centro de Lançamento da Base de Alcântara para que a startup realizasse seus voos a partir de lá. Em troca, a Força Aérea Brasileira enviará sua carga útil. Vale ressaltar que, em maio, a startup sul-coreana anunciou seus planos de realizar até 20 lançamentos a partir do Brasil.

Base de Alcântara receberá melhorias em suas atividades espaciais

Uma proposta protocolada nesta semana, na Secretaria Geral da Mesa (SGM) da Câmara dos Deputados, tem como objetivo gerar avanços nas atividades espaciais brasileiras, e contemplará, principalmente, o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

A Lei Geral das Atividades Espaciais será instituída por meio do PL 1006/2022, de autoria do deputado Pedro Lucas Fernandes. De acordo com o deputado, o objetivo da proposta é estabelecer normas com padrões internacionais para desenvolver o setor, tendo em vista que, com normas gerais, há a possibilidade de garantir mais segurança jurídica para o setor e assim, torná-lo mais atrativo para investimentos do setor privado.

Segundo o parlamentar, há normas infralegais que comandam as atividades espaciais, isto é, que foram desenvolvidas pelo poder executivo, mas não foram debatidas no Congresso Nacional.

Sobre a Innospace

A Innospace é uma empresa espacial que desenvolve e disponibiliza serviços de lançamento para pequenos lançadores de satélites com tecnologias de foguete híbrido. Estas tecnologias, que são desenvolvidas independentemente, permitem inovação de custos e reduzem a latência de lançamento.

A empresa desenvolve a melhor tecnologia com os melhores especialistas para disponibilizar o serviço de lançamento ideal que transporta rapidamente pequenos satélites para a órbita.

A Innospace tem como objetivo realizar inovações futuras no mercado de lançamentos com tecnologias de lançamento rápido e de baixo custo. Além disso, a empresa planeja desenvolver sua própria plataforma de mobilidade espacial de última geração, que poderá contribuir com o desenvolvimento de um novo espaço sideral para um mundo sustentável.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.