Radiotelescópio gigante, ainda em construção, será instalado no interior do estado da Paraíba

Roberta Souza
por
-
14-06-2021 17:05:30
em Economia, Negócios e Política
construção – Paraíba - radiotelescópio Radiotelescópio/ Fonte: O Globo

O novo radiotelescópio, que está em construção, será instalado na Serra de Urubu, na Paraíba, e conseguirá mapear energia escura a partir do céu

Novo radiotelescópio, que está em construção, pretende decifrar segredos do universo inicial e da enigmática matéria escura e será instalado em meio à região da Serra do Urubu, no estado da Paraíba, com área de 345 km² e população de aproximadamente 5.500 habitantes. O empreendimento que é denominado de “Bingo”, não será apenas uma atração da cidade e região, como também o centro das atenções de pesquisadores do mundo inteiro. Veja ainda: Renováveis – Neoenergia aprova a construção de parques de energia solar na Paraíba

A construção do radiotelescópio, no estado da Paraíba

Este projeto da construção do radiotelescópio, que será instalado na Paraíba, foi concebido para estudar os “ecos” emitidos nos momentos iniciais do universo. Ele também investigará as famosas fast radio bursts (FRB, ou rajadas rápidas de rádio, na tradução literal), que são sinais muito intensos de rádio que ainda intrigam a comunidade científica. E o céu limpo do sertão é um fator crucial para o sucesso da missão.

O projeto conta com a participação internacional de países como Reino Unido, França, África do Sul e China, mas o principal órgão financiador é a FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), sendo que os coordenadores da construção do empreendimento são os brasileiros Élcio Abdalla (USP), Carlos Alexandre Wuensche (INPE) e Luciano Barosi de Lemos (EFCG).

As atividades do empreendimento

O radiotelescópio Bingo, também apelidado de “Diamante do Sertão”, poderá se tornar a atração no município da Paraíba e das localidades vizinhas e despertar o interesse das pessoas em dois assuntos que muitos consideram distante da realidade: a astronomia e a cosmologia.

O empreendimento, que está em construção, a chamada energia escura estará no foco das descobertas. No sertão da Paraíba, longe da poluição, será possível saber mais sobre estruturas desconhecidas da galáxia, pulsares que ainda precisam de observação e novos sinais do espaço.

Elcio Abdalla, coordenador do projeto que está em construção da Paraíba e professor do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IF-USP), diz que cerca de 95% do conteúdo energético do universo é completamente desconhecido. Segundo ele, o radiotelescópio BINGO olhará para a distribuição detalhada da matéria conhecida para verificar os vínculos com o setor escuro.

Veja ainda: Construção de parque eólico na Paraíba irá gerar 600 empregos e investimentos devem chegar a R$ 1 bilhão

O novo parque eólico na Paraíba poderá começar a construção no mês de julho, com geração de diversas vagas de emprego para as obras do empreendimento. O governo do estado assinou, no dia 27 de abril, um protocolo de interações com a empresa EDF Renewables – companhia que atua no segmento de energia renovável.

O projeto prevê a construção do parque eólico nos municípios de Santa Luzia e Junco do Seridó, localizados no Sertão da Paraíba. A previsão é que o empreendimento gere mais de 600 empregos de forma direta e indireta, com aportes de cerca de R$ 1 bilhão, diz o governo da Paraíba. Com a construção do parque eólico, o empreendimento será o primeiro da EDF Renewables no estado da Paraíba.

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos