Início Petróleo cai 1,2% no feriado com aumento da taxa de juros básicos nos EUA. COPOM, no Brasil, também eleva a taxa Selic para um número acima do esperado; ambos os países tentam conter a inflação mundial dos combustíveis e energia

Petróleo cai 1,2% no feriado com aumento da taxa de juros básicos nos EUA. COPOM, no Brasil, também eleva a taxa Selic para um número acima do esperado; ambos os países tentam conter a inflação mundial dos combustíveis e energia

16 de junho de 2022 às 08:36
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Petróleo cai 1,2% no feriado com aumento da taxa de juros básicos nos EUA. COPOM, no Brasil, também eleva a taxa Selic para um número acima do esperado; ambos os países tentam conter a inflação mundial dos combustíveis e energia - Canva
Entenda como a Selic e dólar impactam no petróleo. – Canva

Com a queda de 1,2% nesta quinta-feira, 16 de junho, o acumulado de alta do barril de petróleo chega a 61% nas últimas 52 semanas. 

Nesta quinta-feira, 16 de junho, o barril do petróleo Brent está em queda de 1,2% tendo em vista a elevação da taxa de juros dos Estados Unidos (EUA) por Joe Biden, para conter a inflação deixada pela pandemia e guerra entre a Ucrânia e Rússia. A Selic também influencia.

Em suma, os EUA já estão cogitando, para conter os elevados preços, começar a negociar a compra de barris vindos da Venezuela para o país socialista pagar a sua dívida externa, que também é existente com a União Europeia.

Artigos recomendados

A inflação alta não vem emplacando somente o governo de Joe Biden, como também de Bolsonaro, que vem criando estratégias, como a  diminuição das cobranças de ICMS sobre os combustíveis, para conter as variações do barril sobre o bolso dos consumidores. Analistas afirmam que as taxas de escassez energética aplicadas pelo Ministério de Minas e Energias durante o último ano fizeram com que o país observasse a necessidade de elevar a taxa de juros básica. Afinal, durante a última quarta-feira, 15 de junho, em pré feriado, a COPOM anunciou que estaria elevando a Selic para 13,25%, maior valor desde o ano de 2016, quando o governo petista estava na administração do Brasil.

Trabalhe no Setor Eólico do Brasil

Como a Selic interfere no preço do petróleo e do dólar? (EUA) 

No último pregão, o dólar terminou o dia sendo cotado a uma faixa de R$ 5,05. E, como o valor da moeda norte-americana é o que determina o preço do barril de petróleo, quanto mais alta ela estiver, mais os brasileiros tendem a pagar pela compra de combustíveis. Os impactos negativos acabam caindo sobre o bolso do consumidor, visto que os acionistas lucram com a maior entrada de caixa enquanto aqueles que precisam abastecer carros e caminhões sofrem com altas taxas e variações constantes. 

A Selic mais alta é uma tentativa do governo federal e Ministério da Economia em realizar o controle da moeda e garantir que ela se mantenha estável perante o dólar. As expectativas iniciais eram de que o dólar, com o aumento da Selic, voltaria a cair pela maior valorização do real, mas não é isso que está acontecendo.

Gasolina a R$ 10 poderá ser uma realidade para muitos brasileiros 

A gasolina a R$ 10  pode ser uma realidade enfrentada pelos brasileiros até o final do ano de 2022.  Uma parte do valor é equivalente ao excesso de preços cobrados pela Petrobras como tentativa de acompanhar o mercado externo, enquanto a outra parcela é referente aos tributos cobrados pelos estados e à escala federal. 

Em uma promoção realizada pelo dono da Havan, Luciano Hang, no começo deste mês, no dia do imposto zero, ele retirou das bombas da cidade de Brusque todos os tributos cobrados federais e estaduais.  Assim sendo, o valor do litro de gasolina saiu de R$ 7,20 para cerca de R$ 5. Cada cliente poderia comprar até 15 litros. 

Tendo isso em vista, Jair Bolsonaro criou um projeto que removerá os tributos cobrados pelos estados, enquanto a escala federal irá repassar uma parte do valor para os governadores investirem em desenvolvimento, saúde e educação. 

Selic além do preço do petróleo, como ela impacta nos investimentos? 

A Selic alta impacta muito além dos preços do petróleo, como também nos investimentos. Assim sendo, as aplicações em renda fixa começam a se tornarem ainda mais rentáveis e o mesmo serve para o Tesouro Direto, que já está rendendo na faixa de 13% ao ano. 

Relacionados
Mais recentes