Terminal de Gás natural da Petrobras na Bahia é cobiçado pela Golar Power

Golar Power - GNL - Petrobras -BA Terminal GNL

A Golar Power está competindo para comprar da Petrobras um terminal de GNL no estado da Bahia

A empresa de gás natural liquefeito e energia Golar Power está competindo para comprar da Petrobras um terminal para gás natural liquefeito (GNL) no estado da Bahia, na região nordeste, segundo o diretor executivo da empresa afirmou na quinta-feira (27).

Leia também

Anteriormente a Golar Power também anunciou em março a assinatura de um protocolo de intenções com o governo de Pernambuco para investir 1,8 bilhão de reais em um terminal de GNL em Suape.

A Golar Power está investindo em uma série de projetos no Brasil apostando no uso do GNL

O gás natural liquefeito (GNL), que na forma líquida dispensa o transporte de dutos, pode vir a ser um substituto do diesel no Brasil, entre outras aplicações. Doze empresas, incluindo as sucursais brasileiras das principais petrolíferas Shell, Total e BP, estão competindo na licitação baiana organizada pela Petrobras, como é conhecida a estatal brasileira de petróleo.

Petrobras esta tentando reduzir participação na indústria de óleo e gás

A empresa está tentando reduzir sua participação na indústria de gás natural no Brasil, conforme acordado com o órgão antitruste conhecido como Cade.

O terminal, um píer tipo ilha, tem capacidade para processar 20 milhões de metros cúbicos por dia de GNL e está sendo arrendado com um duto de 45 quilômetros.

Por fim, a Golar informou que o GNL importado terá como mercado potencial o atendimento a consumidores livres de gás, como grandes empresas, e à distribuidora de gás natural estadual da Bahia, além de projetos termelétricos e outras distribuidoras de gás conectadas à rede de gasoduto no terminal de Suape.

Tags:
Valdemar Medeiros
Formado em Segurança do trabalho, especialista em marketing de conteúdo em conjunto de ações de SEO e Universitário de Publicidade e Propaganda.