Início Pescadoras de Arraial do Cabo recebem da Petrobras triciclos movidos a combustão, a energia solar e elétricos

Pescadoras de Arraial do Cabo recebem da Petrobras triciclos movidos a combustão, a energia solar e elétricos

6 de julho de 2022 às 07:00
Compartilhe
Siga-nos no Google News
triciclo - combustão - elétrico - energia solar - pesca - pesqueira - petrobras
FOTO LUIZ ANTONIO SIMONETTI / AGÊNCIA PETROBRAS

Cooperativa de Mulheres Nativas de Arraial do Cabo é beneficiada com triciclos pelo Plano de Compensação da Atividade Pesqueira (PCAP)

Mulheres da comunidade de pesca artesanal de Arraial do Cabo ganharam reforços na rotina por meio de novos equipamentos para a cooperativa, insumos para beneficiamento de pescados e triciclos na última segunda-feira (20/6). Estas ações integram o Plano de Compensação da Atividade Pesqueira (PCAP), exigido pelo licenciamento ambiental federal conduzido pelo Ibama, de empreendimentos da Petrobras na Bacia de Campos. 

A Cooperativa de Mulheres Nativas de Arraial do Cabo, de Praia Grande, tem recebido, desde setembro de 2021, materiais e equipamentos para beneficiar os pescados e dar suporte à rotina do grupo. O destaque neste mês são os triciclos: um movido a combustão e, o outro, elétrico, que também pode ser recarregado com energia solar.

Artigos recomendados

Os triciclos vão ajudar a aumentar a clientela porque podemos vender para outras cidades também, conservando os pescados em um baú com isolamento térmico. Os EPIs, como luvas e aventais descartáveis, estão fazendo toda a diferença também porque usamos muito”, detalha Margareth Julião, cooperada que atua na atividade há 45 anos, seguindo a tradição de várias gerações de sua família.

Plano visa compensar as comunidades pesqueiras pela restrição temporária à pesca

Nos últimos 10 anos, o PCAP já concluiu diversas compensações como: compra de imóveis e reformas de instalações físicas das sedes das entidades pesqueiras (colônias), construção de um auditório, aquisições de mobiliários, base de rádio para comunicação marítima, balsa de dragagem, equipamentos de salvatagem, cursos profissionalizantes, equipamentos e insumos diversos para beneficiamento de pescados, entre outros.

O plano visa compensar as comunidades pesqueiras pela restrição temporária à pesca em determinadas áreas necessárias à realização de algumas atividades da empresa, como sísmica e perfuração. Atualmente, o PCAP está sendo realizado nos municípios de Arraial do Cabo, Armação dos Búzios e São João da Barra. Ao longo desses 10 anos, atuou também nos municípios de São Francisco de Itabapoana, São João da Barra, Campos dos Goytacazes, Quissamã, Macaé e Casimiro de Abreu/Tamoios (2º distrito de Cabo Frio).

 

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes