Ministro do MME visita projetos de exploração de óleo e gás, em Macaé e em Campos

Macaé – gás – MME Visita do ministro do MME à Macaé/ Fonte: Prefeitura de Macaé

As cidades de Macaé e Campos podem se beneficiar com novos investimentos no setor de óleo e gás, promovidos no âmbito do Promar e da Nova Lei do Gás

No último sábado, (28/08), o Ministro de Minas e Energia (MME) Bento Albuquerque visitou a plataforma de exploração de petróleo de Pampo e a Termelétrica Marlim Azul nas cidades de Campos dos Goytacazes e Macaé, no Rio de Janeiro. O Programa de Revitalização e Incentivo à Produção de Campos Marítimos (Promar) e a Nova Lei do Gás prometem alavancar a economia de Macaé, a geração de empregos e a manutenção da indústria de bens e serviços locais. Confira ainda esta notícia: Em Macaé, a Usina Termelétrica Marlim Azul inicia nova fase de construção com a chegada de novos equipamentos

A visita do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, a cidade de Macaé

Acompanhado do prefeito de Macaé, Welberth Rezende, o ministro do MME conheceu a plataforma de Pampo, explorada pela empresa britânica Trident Energy e a construção da Usina Termelétrica Marlim Azul, que utilizará gás natural extraído do pré-sal. O encontro fortalece as perspectivas de investimentos de US$ 30 bilhões na região com base na estratégia do Promar.

O prefeito de Macaé disse que visitaram a maior plataforma fixa da América Latina que, em um ano, aumentou em 54% sua produção de petróleo por meio de investimentos diretos realizados pela Trident Energy. A realidade é que a plataforma estava pelo caminho de descomissionamento, porém, seu ciclo foi renovado por mais 18 anos, e isso na costa de Macaé, ressalta.

Importância da Bacia de Campos

O ministro do MME, Bento Albuquerque durante a visita a cidade de Macaé, ressaltou ainda a importância da Bacia de Campos no desenvolvimento da exploração de petróleo e gás no país e enfatizou a construção de políticas públicas que vêm permitindo a retomada das atividades de óleo e gás na região. “Com exploração iniciada na década de 1970 pela Petrobras, chegou o momento de revitalizarmos os campos maduros. O ativo da plataforma Pampo foi adquirido da Petrobras em 2020, em conjunto com outros nove campos adjacentes (polos Pampo e Enchova), que deverão receber investimentos para revitalização de ao menos US$ 1 bilhão, aumentando as reservas dos campos em 203 milhões de barris de petróleo, iniciativa que proporciona renda e emprego”, frisou o ministro.

A Bacia de Campos, com uma área de cerca de 100 mil km2, entre Vitória (ES) e Arraial do Cabo (RJ), já foi a principal produtora de petróleo e gás natural no Brasil, sendo responsável por 65% de todo o petróleo já produzido no País. Hoje, a maior parte dos seus campos são considerados maduros. “A Bacia de Campos tem um simbolismo muito importante para o Brasil. O petróleo e o gás natural são riquezas do País. O Promar é um programa de revitalização que vai atender diretamente essa região, gerando mais empregos e mais renda”, disse o ministro Bento Albuquerque durante visita à Macaé.

A UTE Marlim Azul

Em Macaé, o ministro visitou a construção da Usina Termelétrica Marlim Azul, que utilizará gás natural extraído do pré-sal. Por meio de investimentos privados (Pátria Investimentos, Grupo Shell e Mitsubishi Hitachi Power Systems), a termelétrica irá complementar a geração de energia no País a partir de 2023. A construção do empreendimento deve gerar até 1500 empregos diretos e prevê menos emissões que as termelétricas tradicionais.

“A presença do Ministro em Macaé reforça o posicionamento estratégico da nossa cidade para o mercado de energia do Brasil. As previsões para investimentos a partir da revitalização dos campos maduros são positivas, especialmente na geração de negócios e de empregos”, destaca o prefeito Welberth Rezende.

Confira fotos da visita do ministro do MME à cidade de Macaé

Tags:
Roberta Souza
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos
fwefwefwefwefwe