Início Hydro Rein e Macquarie firmam parceria para construir e operar uma usina eólica e solar de 586 megawatts no Nordeste do Brasil

Hydro Rein e Macquarie firmam parceria para construir e operar uma usina eólica e solar de 586 megawatts no Nordeste do Brasil

3 de junho de 2022 às 12:25
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Hydro-Rein-e-Macquarie - usina solar - usina eólica - energia solar - energia eólica - Nordeste
Ilustração Usina eólica e solar – imagem: getty Images /Luzipo

Hydro Rein e Macquarie Asset Management assinaram uma joint venture para a construção de uma usina eólica e solar no Nordeste do país, com investimento inicial de US$ 700 milhões

A Hydro Rein, empresa do grupo Norsk Hydro para energias renováveis, e o fundo de investimento verde Green Investment Group (GIG), da Macquarie Asset Management, formaram uma nova joint venture para o desenvolvimento de um projeto híbrido que envolve a construção e a operação de uma usina eólica e solar, com 586 megawatts de potência no Nordeste do país, para gerar energia elétrica na mina de bauxita da Hydro Paragominas. O complexo recebeu o nome de Feijão, será instalado nos estados de Pernambuco e do Piauí e foi estruturado no modelo de autoprodução.

Projeto de usina eólica e solar no Nordeste do país receberá US$ 700 milhões em investimentos

A energia foi negociada por meio de um contrato de compra de energia de longo prazo (PPA) com a Hydro Paragominas e a Alunorte, ambas do grupo Hydro, que está investindo em sua meta global para a redução de 30% das emissões de CO2 até o ano de 2030.

Artigos recomendados

Além de fornecer energia limpa à mina de bauxita, a usina eólica e solar do Nordeste também permitirá que a refinaria de alumina da Alunorte instale novas caldeiras elétricas. Os dois clientes âncoras do empreendimento estão no Pará.

Os investimentos totais da Hydro Rein e da Macquarie na nova usina solar e eólica no Nordeste estão previstos em US$ 700 milhões. Entretanto, a decisão final de investimento para o empreendimento será divulgada apenas no quarto trimestre deste ano, enquanto uma decisão de investimento para o projeto solar será tomada em uma fase posterior. A participação acionária da Hydro Rein, na nova joint venture, será de 49,9%, enquanto o CIG da Macquarie contará com os outros 50,1%.

Usina eólica terá capacidade de 456 MW e planta solar de até 130 MW

O parque, que ficará nos estados do Nordeste, especificamente em Piauí e Pernambuco, deve reduzir ainda mais as emissões de carbono da Hydro Rein e contará, em sua primeira fase, com cerca de 80 turbinas com capacidade combinada de 456 MW. Já em relação à usina solar, a estimativa é de que sejam gerados cerca de 130 MW de produção na segunda fase.

De acordo com Olivier Girardot, diretor da Hydro Rein, em nota, este projeto com a Macquarie é um marco importante nos esforços de descarbonização da Alunorte e também um marco essencial para a Hydro Rein avançar com seu portfólio de ativos no país.

É importante ressaltar também que o grupo Hydro tem permanecido ativo no desenvolvimento de novos projetos de energia renovável no Brasil.

Conheça a Hydro Rein e a Macquarie

Desde 2015, a Hydro contribui para o desenvolvimento e para a redução de risco comercial de 2,5 GW de projetos em energia eólica greenfield na Suécia e na Noruega a partir de uma posição offtake de longo prazo. A empresa também desenvolve casos de uso de bateria em suas usinas para estabelecer capacidade de armazenamento e evitar picos de preços e tarifas de energia elétrica.

Já a Macquarie Asset Management (MAM) disponibiliza soluções de investimento para clientes em diversos recursos em Investimentos Públicos e Mercados Privados, incluindo infraestrutura, agricultura, investimentos verdes, ativos naturais, imóveis, crédito privado, financiamento de ativos, renda fixa e muitos outros. A companhia conta com cerca de 2,4 mil colaboradores atuando em 24 mercados na Austrália, Europa, Américas e Ásia. A empresa gerencia ativos para investidores institucionais e de varejo desde a década de 80 nos Estados Unidos e na Austrália.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes