Hydro fecha parceria com Universidade Federal do Pará para desenvolver projeto de painéis solares flutuantes em mina de bauxita

Valdemar Medeiros
por
-
04-10-2021 12:11:58
em Energia Renovável
Hydro - Pará - UFPA - Universidade Federal do Pará - painéis solares - energia solar Planta em preparação para projeto e painéis solares flutuantes – créditos: UFPA

A nova parceria da Hydro e UFPA realizará uma série de estudos para instalação de painéis solares flutuantes na mina de bauxita, reduzindo custos com energia elétrica e contribuindo com o meio ambiente

A Universidade Federal do Pará (UFPA) pretende instalar painéis solares flutuantes na parte do reservatório de água da Hydro Paragominas, desse modo haverá uma redução da evaporação de água durante o processo nós reservatórios da mina, construindo não somente na economia de água da planta, mas também no processo de reaproveitamento.

Leia também

UFPA e Hydro falam sobre o novo projeto de painéis soares flutuantes

Com duração inicial de dois anos, a UFPA relata que essa nova parceria para o projeto de energia solar fotovoltaica fortalece o interesse das empresas brasileiras na redução de gases poluentes.

O projeto da UFPA reduzirá não somente os custos com energia elétrica, mas também ajudará a reaproveitar toda a água utilizada na planta de mineração de bauxita da empresa. A Hydro terá uma redução acentuada durante o processo, uma vez que as placas flutuantes auxiliarão no processo.  

Uso de placas de energia solar fotovoltaicas flutuantes crescem no mercado brasileiro

A adoção de instalações fotovoltaicas flutuantes representa uma expansão na capacidade de geração de energia e contém inúmeras vantagens em relação aos sistemas fotovoltaicos usuais, tais como:

  • Possibilidade de instalação em reservatórios de usinas hidrelétricas viabilizando a instalação próxima ao centro de consumo;
  • Maior eficiência (cerca de 11% a mais em relação a sistemas terrestres) em decorrência do resfriamento  natural;
  • Redução nas perdas por sujidade e, facilidade de instalação, uma vez que nesta modalidade medidas como o nivelamento do local tornam-se dispensáveis.

Além disso, a escolha do lugar de implantação do sistema é pautada, na tentativa  de melhorar a qualidade da água, reduzir as taxas de evaporação dos reservatórios da UHE.  

Diretor da Hydro e reitora da Universidade Federal do Pará falam sobre a importância do projeto

“Essa pesquisa está alinhada com o objetivo da Hydro de ser cada vez mais sustentável. Se os resultados forem positivos, poderemos economizar ainda mais água em nossos processos e fornecer uma alternativa de energia renovável para nossas operações. É um benefício para a companhia e para a conservação do meio ambiente. Temos o compromisso de estar sempre inovando em busca de processos produtivos mais sustentáveis e a UFPA tem sido uma parceira importante neste objetivo”, afirma Evilmar Fonseca,  diretor industrial da Hydro Paragominas.  

Já para Iracilda Sampaio, pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UFPA, a sustentabilidade ainda é um tema recente no Brasil, mas é extremamente necessário para modernização do mercado energético brasileiro.  

“A Universidade possui em seu quadro equipes de pesquisa competentes no campo da energia sustentável e essa parceria da UFPA com a Hydro, usando painéis solares para produção de energia, é muito oportuna no momento. Vivemos em uma região rica em sol e em água e temos todas as condições de avançar nesta área de pesquisa, em uma parceria importante universidade-empresa. Nossas expectativas são muito grandes quanto ao sucesso desse empreendimento”, disse.

Mina da Hydro Paragominas

A mina de Paragominas é uma grande mina localizada na parte norte do Brasil no Pará. Paragominas representa uma das maiores reservas de bauxita do Brasil e uma das maiores da América do Sul, com reservas estimadas em 1 bilhão de toneladas.  

Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.
fwefwefwefwefwe