Início GreenYellow vai investir R$ 500 milhões em projetos de armazenamento de energia elétrica e na criação de 100 postos de recarga para veículos elétricos no Brasil

GreenYellow vai investir R$ 500 milhões em projetos de armazenamento de energia elétrica e na criação de 100 postos de recarga para veículos elétricos no Brasil

25 de março de 2022 às 11:52
Compartilhe
Siga-nos no Google News
GreenYellow - CArros elétricos - veículos elétricos - energia elétrica -postos de recarga -
Ponto de recarga para abastecimento de carros elétricos da GreenYellow – imagem: Divulgação

A GreenYellow quer expandir sua participação em mobilidade elétrica, armazenamento de energia e serviços digitais no Brasil. O objetivo da empresa é complementar as atividades de eficiência energética e geração solar distribuída, campos em que a subsidiária do grupo francês atua aqui desde 2013

A empresa trará ao Brasil a partir deste ano as soluções de recarga para veículos elétricos oferecidas na França, onde possui mais de 250 postos de recarga elétrica em operação. O foco está em projetos que apoiem a mobilidade elétrica. De acordo com o executivo, há potencial para prestar serviços para empresas interessadas em eletrificar suas frotas, como empresas de logística e aquelas que adotaram a política de home office. Em janeiro, a GreenYellow fechou uma parceria local com a NewCharge, empresa brasileira de engenharia e desenvolvimento para armazenamento de energia elétrica. “A intenção é ampliar o número de postos de recarga no Brasil. Estamos monitorando a expansão dos veículos elétricos”, disse Zerkowsky.

GreenYellow faturou R$ 304 milhões no Brasil, um aumento de 83% ano a ano

A GreenYellow também está expandindo sua capacidade de geração de energia solar no Brasil. A meta é adicionar mais de 50 megawatts em usinas de geração ao portfólio este ano e atingir uma capacidade instalada de 150 MW no país até dezembro.

A estratégia de crescimento pode envolver aquisições de projetos e desenvolvimento de plantas próprias. Em novembro, a GreenYellow anunciou a compra de 90% de participação em cinco usinas solares de geração distribuída da FazSol, nos arredores de Brasília, com capacidade de 4,4 megawatts-pico.

Em 2021, a empresa faturou R$ 304 milhões no Brasil, um aumento de 83% ano a ano. A companhia opera em oito países nos negócios de energia solar, comércio, gestão de energia e eficiência energética. A empresa entrou na Polônia no ano passado como parte de sua estratégia de expansão das operações em países emergentes, que inclui América do Sul e Ásia.

A GreenYellow encerrou o ano passado com uma capacidade instalada de geração de energia de 740 MWp em todo o mundo, um aumento de 31% ano a ano. A empresa tem 3.000 projetos de eficiência implementados em todo o mundo, o que significa uma economia global de energia de 985 gigawatts-hora até 2021.

Presidente da GreenYellow no Brasil, Roberto Zerkowski, destaca planos de expansão para o mercado brasileiro

Roberto Zerkowski, presidente da companhia no Brasil, destacou a forte parceria junto à NewCharge, empresa brasileira que atua no segmento de armazenamento de energia elétrica no setor on e off-grid.

“Queremos expandir o mercado de mobilidade elétrica no Brasil e, para isso, temos a ambição de instalar 100 novos postos de recarga para abastecimento de veículos elétricos. A ideia é que os pontos de recarga sejam instalados ainda neste ano. Na França, já possuímos mais de 250 pontos de recarga em pleno funcionamento. Neste cenário, queremos ser o parceiro que oferece um modelo ‘as a service’ para carregadores elétricos, no qual o cliente não precisa investir nos equipamentos e na adequação de infraestrutura, bastando somente pagar uma mensalidade pelo uso do carregador”, destacou Zerkowski.

Grupo Profarma, Lojas Quero Quero e Panvel assinaram contratos com a GreenYellow no Brasil em 2021. Zerkowsky destaca que, hoje, os clientes do grupo são principalmente empresas dos setores farmacêutico, de telecomunicações e varejo, mas a intenção é também fechar negócios com empresas de mineração, metalurgia e processamento de alimentos este ano. “Estamos em ritmo de crescimento no Brasil”, disse o executivo.

Sobre a empresa

A GreenYellow nasceu em 2007 na França, com atuação nas áreas de eficiência energética, geração solar, comercializadora de energia e soluções digitais. Hoje, opera globalmente mais de 2.600 projetos de eficiência energética e possui mais de 335 MWp instalados em diversas usinas solares na França, Brasil, Colômbia, Tailândia, Oceano Índico, Marrocos e Senegal.

No Brasil desde 2013, opera atualmente mais de 1.000 projetos de eficiência energética em diversos segmentos, com uma redução média de 25% do consumo. Em energia solar, possui mais de 40 usinas em construção ou operação, somando 120 MWp de potência instalada, o suficiente para abastecer mais de 139 mil lares.

A GreenYellow busca garantir o mais alto nível de integridade corporativa, ética e transparência em suas atividades. Para este fim, elaborou o Código de Ética GY e a Política Anticorrupção GY, para promover e apoiar todas as atividades, de acordo com as Leis, regulamentos e políticas internas da empresa e do Grupo Casino, do qual a GreenYellow faz parte.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes