Home > Sem categoria

Demanda por etanol cresce e mais de 20 usinas estão ampliando sua capacidade de produção

Paulo Nogueira
por
-
11-12-2019 12:56:08
em Sem categoria
Demanda por etanol cresce e mais de 20 usinas estão ampliando sua capacidade de produção Usina de etanol vista do alto

Perspectivas de crescimento da produção de etanol afetam a maneira como as usinas direcionam sua matéria-prima e sugere expansão dos negócios

A indústria de biocombustíveis está cada vez mais crescente no Brasil. Segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), atualmente 24 unidades de produção de etanol estão ampliando seu potencial produtivo no Brasil. Veja também que há previsão de crescimento de 50% da capacidade global de energia renovável nos próximos 5 anos

Depois que as obras de ampliação nessas usinas forem concluídas, as unidades deverão acrescentar 6,33 milhões de litros à capacidade nacional diária – 5,83 milhões de etanol anidro e 493 mil de etanol hidratado.

As expectativas de crescimento de produção de etanol nos últimos dois anos influenciaram a maneira como as usinas direcionam sua matéria-prima. Por exemplo, no período de 2017/2018 um índice de 53,5% da cana-de-açúcar foi direcionada para a produção de etanol. Na safra seguinte, o percentual subiu para 64,8%. E no acumulado até a primeira quinzena de novembro de 2019, esse valor já chega a 65,2%.

De acordo com dados do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), de um valor total de R$ 2,76 bilhões financiado pela instituição para o setor  sucroenergético em 2018, 70% foi destinado à expansão ou modernização industrial de forma ampla, enquanto outros 3% foi utilizado diretamente na fabricação de etanol.

Entre as empresas investindo expressivamente no mercado de biocombustíveis destacam-se Raízen Energia, São Martinho, Biosev, Balbo, Abengoa, Cocal, Coruripe e GranBio.

Veja também: 

Tags:
Paulo Nogueira
Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.