MENU
Menu
Início Yamato – o maior e mais TEMIDO navio de todos os tempos que participou da Segunda Guerra Mundial com uma tripulação de 2.700 homens, 71 mil toneladas de deslocamento e 263 metros de comprimento

Yamato – o maior e mais TEMIDO navio de todos os tempos que participou da Segunda Guerra Mundial com uma tripulação de 2.700 homens, 71 mil toneladas de deslocamento e 263 metros de comprimento

3 de abril de 2024 às 11:22
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Yamato - o maior e mais TEMIDO navio de todos os tempos que participou da Segunda Guerra Mundial
Foto: Navio Yamato – créditos: Contraditorium

Conheça o Navio Yamato, colosso japonês que lutou bravamente na Segunda Guerra Mundial e era considerado o mais temido da época.

O maior navio de guerra utilizado durante a Segunda Guerra Mundial não pertenceu aos EUA, Inglaterra ou à Alemanha. Contrariando todas as expectativas, o colosso flutuante conhecido como Yamato foi desenvolvido pelo Império Japonês e utilizado como sua principal embarcação de combate pela Marinha Imperial.

Conheça a história do Navio Yamato

A trajetória dessa obra da engenharia naval foi marcante e teve papel preponderante na Segunda Guerra, sendo uma das mais importantes armas do Japão e, inequivocamente, um pilar para a orgulhosa frota naval nipônica.

Artigos recomendados

A influência do navio Yamato na Segunda Guerra Mundial é tão grande que, além de um museu próprio, o encouraçado também foi imortalizado por meio de um mangá e uma série em anime, Patrulha Estelar. O Navio Yamato foi o maior navio de guerra já construído no Japão, contando com 263 metros de comprimento e 71 mil toneladas de deslocamento. Sua tripulação era composta por 2.700 homens. A construção começou na década de 1930 e entrou em serviço em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial.

Ele era o primeiro e o mais famoso da Classe Yamato, que incluía também o Musashi e o Shimano, além de outros dois navios que nunca foram finalizados. O Yamato foi o carro-chefe da frota japonesa e foi desenvolvido para ser o mais poderoso navio de guerra do mundo.

O navio possuía uma blindagem extremamente grossa, com até 65 centímetros de espessura em algumas áreas, e era armado com nove canhões de 46 centímetros, que eram os maiores canhões já instalados em um navio de guerra. Outros navios de mesma categoria incluem o Musashi, que foi desenvolvido em conjunto com o Yamato e o Bismarck, que era o principal navio de guerra da Alemanha.

Navio Yamato da Segunda Guerra Mundial contava com 150 mil cavalos de potência

O Yamato participou de diversas batalhas durante a Segunda Guerra Mundial, incluindo a Batalha do Mar de Coral, em maio de 1942, e a Batalha de Leyte Gulf, em outubro de 1944. Foi durante esta última batalha que o navio Yamato sofreu sua derrota.

Com 263 metros de comprimento, 38,9 metros de largura e 11 metros de calado, o navio de guerra deslocava 71.659 toneladas, o que o tornava o maior couraçado do mundo na época. Sua blindagem era espessa e resistente variando de 200 a 650 milímetros nas partes mais importantes.

O sistema de propulsão era composto por quatro turbinas a vapor que geravam 150 mil cavalos de potência. A velocidade máxima dele era 27 nós (50 km/h). O gigantesco couraçado destacava-se através de seus canhões principais.

No total eram nove peças do tipo 94 de 460 milímetros, os maiores canhões navais já instalados em um navio de guerra. Cada um desses canhões pesava cerca de 147 toneladas e podia disparar projéteis de quase uma tonelada e meia a uma distância de 42 km.

Qual foi o fim do navio Yamato?

Sua última missão ocorreu em abril de 1945 e deveria partir para Okinawa, onde os norte-americanos estavam realizando uma grande invasão, e atacar as forças inimigas até ser afundado. Era uma missão suicida, sem chance de retorno. O Yamato partiu no dia 6 de abril com uma escolta de nove outros navios e apenas o suficiente de combustível para a viagem de ida.

No dia seguinte, a frota japonesa foi detectada e atacada por centenas de aviões norte-americanos vindos dos porta-aviões da Força-Tarefa 58.

O navio Yamato resistiu bravamente ao ataque aéreo, mas foi atingido por diversos torpedos e bombas que causaram graves danos e incêndios. Por volta das 14h20min do dia 7 de abril, o navio adernou para a esquerda e explodiu em uma enorme bola de fogo, afundando com quase toda a sua tripulação.

Inscreva-se
Notificar de
guest
Seus comentários são moderados antes de serem aprovados ou não! Portanto, estão proibidos os seguintes termos: palavras de baixo calão, ofensas de qualquer natureza e proselitismo político. A infração destas regras ocasionará na impossibilidade de comentar e até mesmo exclusão de seu cadastro. Seus comentários, perfil e atividades são vistos por MILHÕES DE PESSOAS, então aproveite esta janela de oportunidades e faça seu cadastro aqui ou faça login com suas redes sociais.
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x