MENU
Menu
Início Venda da Braskem: entenda as mudanças previstas após a morte de funcionário

Venda da Braskem: entenda as mudanças previstas após a morte de funcionário

30/06/2023 às 23:31
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Venda da Braskem
Foto/ divulgação

No dia 22 de junho, um trágico incidente ocorreu na planta da Braskem, localizada em Santo André, São Paulo. Um funcionário da Tenenge, empresa de engenharia industrial que presta serviços para a petroquímica, perdeu a vida após a explosão de um tanque de gasolina.

Esse episódio teve um impacto significativo no já bilionário processo de venda da Braskem, levantando questões sobre possíveis conflitos de interesse e a valorização da empresa.

Sabemos que a Tenenge é controlada pelo mesmo grupo que comanda a Braskem, a família Odebrecht. Enquanto a Braskem está em processo de recuperação judicial, a Tenenge não enfrenta as mesmas dificuldades financeiras. Com isso, empresários e banqueiros interessados na compra da Braskem estão preocupados com a possibilidade de um conflito de interesses entre as duas empresas, o que poderia impactar negativamente o valor de venda da petroquímica.

Artigos recomendados

Uma dúvida que surge é por que uma empresa sem problemas financeiros prestaria serviços para outra do mesmo grupo que está em recuperação judicial. É natural que os interessados na compra da Braskem solicitem informações sobre os contratos da empresa com a Tenenge, a fim de avaliar o valor e a qualidade dos serviços prestados.

Contratar uma construtora (Tenenge), que faz parte do mesmo grupo controlador, para realizar os serviços parece levantar suspeitas de que a Braskem pode estar agindo fora dos padrões de conformidade da companhia.

Quando empresas de um mesmo grupo atuam como fornecedoras umas das outras, chamamos essa relação de “partes relacionadas”. Acionistas minoritários podem alegar que a Novonor, grupo da família Odebrecht, está abusando de seu poder de controle.

Essas questões serão debatidas na próxima reunião de bancos credores da Braskem, agendada para a sexta-feira, dia 30 de junho de 2023. Durante a reunião, haverá questionamentos sobre os critérios de escolha e os preços envolvidos na contratação da Tenenge pela Braskem.

A morte do funcionário da Tenenge durante a explosão na Braskem foi um evento trágico. A empresa emitiu um comunicado lamentando a perda e informando que cinco pessoas foram afetadas no acidente. Infelizmente, apesar dos esforços da equipe médica, um dos funcionários veio a óbito. Os outros quatro foram encaminhados para unidades hospitalares na região, sendo dois deles hospitalizados e outros dois apresentando ferimentos leves. A Tenenge está focada em oferecer suporte às vítimas, seus familiares e colaborar com as autoridades presentes no local.

A Tenenge, em resposta às preocupações levantadas, enviou um comunicado ao Poder360, deixando claro que sua relação com a Braskem não está relacionada ao processo de recuperação judicial do Grupo Novonor.

A empresa ressaltou sua experiência e expertise no setor de engenharia, construção e montagem industrial, destacando participações em importantes projetos petroquímicos no país. A Tenenge alegou que sua contratação pela Braskem segue todos os processos de concorrência, seleção e contratação estabelecidos por uma empresa de capital aberto.

A empresa enfatizou sua governança robusta, com membros independentes em seu Conselho de Administração, certificações de conformidade, tanto no Brasil quanto no exterior, e o recente recebimento do selo Infra+ Integridade, concedido pelo Ministério de Infraestrutura.

É importante notar que a Braskem é uma das maiores petroquímicas do mundo, com presença global, incluindo plantas em diversos países. A empresa busca constantemente por serviços especializados de engenharia industrial, contratando uma variedade de fornecedores nesse segmento. A Tenenge é apenas uma dessas empresas, atualmente possuindo dois contratos de pequeno porte no Brasil, um de montagem eletromecânica e outro de serviços de manutenção.

Diante de todas essas informações, é fundamental que o mercado acompanhe de perto o desdobramento desse episódio trágico e a possível influência que ele terá no processo de venda da Braskem. A transparência e o cumprimento dos padrões de governança por parte das empresas envolvidas são essenciais para garantir a confiança dos investidores e alcançar uma venda justa e favorável para todas as partes interessadas.

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR