MENU
Menu
Início Sonda da Petrobras operada pela Transocean chega em outubro ao Brasil

Sonda da Petrobras operada pela Transocean chega em outubro ao Brasil

10 de agosto de 2018 às 05:28
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Petrobras 10000 sonda

O navio-sonda 10.000 vai operar em águas do Nordeste afim de constatar a nova descoberta da estatal

A unidade de perfuração da Petrobras denominada de navio-sonda 10.000 pertencente a Petrobras e sob responsabilidade operacional da Transocean, deixará o Golfo do México, no setor americano em breve rumo ao Brasil. A sonda tem operado na região por cerca de 365 dias no projeto de Cascade-Chinook eserá destinada ao nosso país em menos de 1 mês para perfurações no leito marinho na região nordeste.

A Petrobras ainda não deu 100% de certeza, mas a unidade deve ser destinada para o projeto de Farfan, segundo as expectativas dos especialistas. O projeto prevê testes de longa duração com a Unidade Flutuante de Transferência e Armazenamento(FSPO) Cidade de São Vicente a partir de agosto. Estas primeira intervenção se deve a descoberta de petróleo no setor SEAL-M-426, no qual a Petrobras opera inclusive em mais 8 setores neste sitio de ativos em águas profundas( de 300 à 1500 metros até o fundo do oceano).

Está área no Sergipe vem sendo muito cobiçada pelo mercado e naturalmente pela própria Petrobras, há uma grande expectativa pela confirmação de petróleo neste local para extensão de fronteira. Alguns jazidas já foram descobertas e garantidas pela estatal, elas são: Cumbé, Poçp Verde, Moita Bonita, Muriú e Barra. De acordo com a Petrobras, esta sonda da Petrobras ficará em operação no Nordeste até o setembro do ano que vêm.

Outra empresa pegou contrato Petrobras para obras da Reduc

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR